Red Bull KTM faz a festa em Atlanta, na nona etapa do AMA Supercross 2015

musquin_atlanta
Marvin Musquin chegou a segunda vitória na 250 Costa Leste 2015 – Foto: AMA SX

 

Não foi um sábado normal. Durante a tarde, todos os holofotes estavam apontados para o Catar, onde rolou a primeira etapa do Mundial de Motocross e a primeira (quase) batalha entre Ryan Villopoto e Antonio Cairoli (que nem no pódio chegaram – saiba mais aqui).

Quando se encerraram as ações no Catar, houve tempo para um lanche, um café, talvez duas cervejas, e chegou a hora de se sentar em frente ao computador outra vez para ver a nona etapa do AMA Supercross 2015, realizada em Atlanta, com transmissão ao vivo aqui no BRMX.

E era uma noite de visual especial. Pilotos usaram roupas que remetiam ao passado, à década de 90. As motos também ganharam gráficos com esta temática. Chad Reed chegou a entrar na pista com uma 250 dois-tempos toda estilizada na festa de abertura, levando os fãs do esporte ao delírio e ao passado (veja fotos no fim desta página).

>>> Classificação atualizada do AMA SX!

A pista era interessante, com um túnel e uma seção de areia que trouxeram alguma dificuldade para os pilotos.

Quando o gate caiu para as finais da 450, Ryan Dungey já tinha mostrado na classificatória (1º lugar) e nos treinos (o mais rápido) que tinha todas as credenciais para vencer. E mais uma vez (a terceira na temporada)  “The Diesel” (apelido em referência ao motor à diesel, que nunca falha, nunca quebra) saiu vencedor da rodada e aumentou sua vantagem na liderança do campeonato.

Trey Canard, seu perseguidor, acabou em terceiro. Eli Tomac foi o segundo. E Ken Roczen, ainda com o pé machucado, tomou mais uma “ré” na disputa pela taça ao terminar a corrida apenas na oitava colocação.

Na 250, Marvin Musquin “desempatou” a parada a seu favor ao ganhar a segunda de três corridas na Costa Leste. Seu principal adversário, Jeremy Martin, ficou em segundo e se manteve na briga pelo campeonato. Agora são sete pontos entre os dois, enquanto Justin Bogle, com a terceira colocação na prova, manteve a terceira posição no campeonato.

 

Reveja todas as corridas agora!

Nesta janela abaixo você pode rever todas as corridas da noite. Clique em WATCH AGAIN!

 

:: Próxima etapa
A décima etapa do AMA Supercross será em Daytona, na Flórida, no próximo sábado, dia 7 de março. Acompanhe ao vivo aqui no BRMX!

 

 

Resumo das provas

250 sob domínio de Musquin

Marvin Musquin largou na frente, seguido de Arnaud Tonus e Jimmy Decotis, enquanto Jeremy Martin e Justin Bogle brigaram nas primeiras curvas pela quarta colocação.

Musquin começou a abrir vantagem e Martin foi ganhando posições até que, na quinta volta, chegou à segunda colocação e começou a caça a Musquin. Porém, jamais conseguiu diminuir a vantagem do francês, que ficou na casa dos seis segundos.

Bogle pegou o embalo e acompanhou a progressão, chegando à terceira colocação com cinco voltas de corrida. E assim se formou o pódio, com Musquin, Martin e Bogle, sem dúvida os melhores pilotos da categoria nesta temporada.

 

:: Resultado da corrida
250_atlanta

 

 

450 na balada de Dungey

Weston Peick fez o holeshot trazendo Chad Reed logo atrás. O veterano fez uma curva espetacular na seção de areia e passou Peick, que não deixou barato e recuperou a liderança na sequência seguinte. Os dois chegaram a se encarar no triplo! E a galera foi à loucura no estádio! Mas Reed cometeu um erro na segunda volta e abandonou a briga.

Peick então tinha Ryan Dungey, Eli Tomac, Trey Canard, Brock Tickle e Ken Roczen em sua caça.

Na sexta volta, Dungey e Tomac encostaram em Peick. Dungey colocava do lado e Peick fechava a porta. Até que Dungey conseguiu, e Peick entrou em uma nova briga, com Canard e Tomac, e acabou ultrapassado pelos dois também.

A partir da décima volta, Dungey tinha mais de cinco segundos de vantagem sobre Canard, que livrava outros cinco segundos de Tomac. Mas Canard cometeu algum erro e acabou perdendo a segunda colocação.

Quem mostra evolução é Blake Baggett, que acabou a corrida em quinto, sua melhor colocação na temporada.

 

:: Resultado da corrida
450_atlanta

 

 

Extra – fotos do visual retrô

anthonyrodriguez_atlanta
Venezuelano Anthony Rodriguez e sua Yamaha amarela – Foto: AMA SX

 

nicoleti_atlanta
Phil Nicoletti e sua Yamaha branca – Foto: AMA SX

 

musquin25_atlanta
Musquin e a roupa retrô da Fox – Foto: AMA SX

 

canard_atlanta
Trey Canard e um retrô mais discreto – Foto: AMA SX

 

grant_atlanta
Josh Grant e Chad Reed (abaixo) trouxeram o verde brilhante da Kawasaki de volta – Foto: AMA SX

chadreed_atlanta

 

jasonanderson_atlanta
Jason Anderson vestiu roupa retrô da Thor – Foto: AMA SX