Marvin Musquin e Ryan Dungey brilham na abertura da Costa Leste do AMA Supercross 2015, em Arlington, Texas

Yamaha
musquin_arlington
Marvin Musquin – Foto: AMA SX

 

A sétima etapa do AMA SX, realizada na noite deste sábado, 14, em Arlington, na região metropolitana de Dallas, Texas, apresentou as virtudes de Marvin Musquin, que ganhou a primeira rodada da categoria 250SX – Costa Leste. Na 450, Ryan Dungey faturou a etapa, chegou a sua segunda vitória na temporada (16ª na carreira) e aumentou sua vantagem na liderança do campeonato para 12 pontos sobre Ken Roczen.

>>> Acesse a classificação atualizada!

Arlington também provou que uma pista interessante, cheia de alternativas, acrescenta emoção ao espetáculo, pois cria dificuldades e possibilidades para os pilotos. Vale ressaltar que a terra prometida pelos organizadores era realmente diferente dos anos anteriores, com mais “grip”, mas ainda firme.

Confira abaixo os melhores momentos, vídeo da etapa na íntegra, resultados e notas sobre tudo o que aconteceu!

 

:: Próxima etapa
A oitava rodada do AMA SX acontece em Atlanta, Georgia, sábado que vem, dia 21 de fevereiro. Assista ao vivo aqui no BRMX!

 

:: Sétima etapa na íntegra – play!

 

 

Resumo da final da 250SX

 

Marvin Musquin fez o holeshot, seguido de Justin Bogle e Anthony Rodriguez. Em três voltas, Musquin tinha três segundos de vantagem sobre Bogle, mostrando que estava mais veloz, como já tinha provado nos treinos.

Mas quando a corrida estava na sétima volta, Kyle Cunningham sofreu um tombo grave e a corrida precisou ser interrompida para atendimento médico. A relargada aconteceu em fila, respeitando a ordem das posições no momento em que a prova foi paralisada (se tivesse acontecido antes da terceira volta, a relargada seria no gate). Cunningham foi atendido, levantou, caminhou e passa bem.

Depois da parada, Anthony Rodriguez, Joey Savgty, Matt Lemoine e Jeremy Martin travaram uma bela disputa pela terceira colocação, e o venezuelano acabou levando a pior, caindo de terceiro para sexto em uma única curva.

Musquin seguiu na sua tocada de líder e provou estar preparado para vencer. Coincidência ou não, ele faz parte do time do treinador Aldon Baker, que também treina Ryan Dungey (e treinava Ken Roczen até poucas semanas atrás).

 

:: Resultado da 250
result_250_arlington

 

Resumo da final da 450SX

 

Dungey, Millsaps, Baggett, Roczen e Canard formavam o batalhão de frente no fechamento da primeira volta do Main Event da 450. Millsaps foi pra cima de Dungey nas primeiras curvas, tentando assumir a ponta, mas não obteve sucesso.

Na sexta volta, Roczen já era o segundo colocado, assim como Canard se recuperava para assumir a terceira colocação na sétima volta, se aproveitando do tombo de Millsaps, que abandonou a prova.

Com Dungey, Roczen e Canard nas três primeiras colocações, a corrida se desenrolou até a bandeirada final sem grandes emoções.

 

:: Resultado da 450
resultado_450_arlington

dungey_oak
Ryan “The Diesel” Dungey – Foto: AMA SX

 

 

Outros destaques da noite

Vicki Golden

vickigolden_arlington

Não foi desta vez que Vicki Golden conseguiu chegar às provas noturnas. A moça fez apenas o 54º (antepenúltimo) melhor tempo nos treinos e ficou fora das corridas classificatórias (Heats). Quem sabe na próxima 😉

 

Bandeira vermelha

Na primeira classificatória da 450, Sean Hackley sofreu queda forte e precisou de atendimento médico. Os organizadores pararam a corrida para atender o atleta, e uma nova largada foi realizada para definir os quatro primeiros classificados para o Main Event. Antes da bandeira vermelha, Eli Tomac liderava. Depois, quem venceu foi Ryan Dungey, e Tomac terminou em segundo.

 

Ched Reed com ganas

chadreed_oak

O veterano Chad Reed tem mostrado gana, vontade, entusiasmo. Depois de dar um blockpass na etapa passada em seu próprio companheiro/funcionário, neste sábado ele venceu a Semi 1 da 450 com muita audácia, após boa batalha com Cole Seely e Nicholas Schmidt. Na final, caiu e teve seu resultado prejudicado.

 

Tombo feio nos treinos

Yamaha