Fora de A1, James Stewart afirma que “ainda não acabou”

Yamaha
asx8james-stewart16
Bubba e Malcolm devem apresentar equipe privada – Crédito: www.suzuki-racing.com

 

Sem contrato com alguma equipe, James Stewart está fora da abertura do AMA Supercross neste sábado, 7, em Anaheim. Mas, ainda com patrocínio da Red Bull, GoPro, Oakley, DC Shoes, Seven MX e Bell Powersports, ele segue no circuito e com anunciando que voltará a competir ainda em 2017.

Na sexta-feira, 6, Bubba escreveu em seu perfil de Instagram que sua história como piloto ainda não acabou.

“Faz 16 anos desde que chegou um sábado em janeiro e eu não estava dentro de um estádio fazendo o que amo. Mas, tudo que posso dizer, é que (essa ausência) não vai durar muito tempo… Depois de meses tentando fazer as coisas acontecerem, percebi que não importaria o que eu fizesse, isso não iria funcionar… Então, estamos fazendo do nosso jeito. A todos que me apoiaram, vejo vocês em breve. Aos que não apoiaram, vejo vocês em breve. Quero agradecer todos os meus patrocinadores, que me apoiam nesta aventura. E, mais do que tudo, agradecer meus fãs, que têm sido pacientes… Para todos que tentaram me parar, desculpe, vocês não podem me render tão fácil. Ainda não acabou!, escreveu Bubba, que é o segundo piloto que mais venceu corridas do AMA SX na história (atrás apenas de Jeremy McGrath).

 

It’s been 16 years since a Saturday night in Jan came and i wasn’t in a stadium doing what I love. But all I can say is it won’t last for long!!! Truly can’t tell ya how much I’m looking forward to returning doing it my way. After months of trying to make things happen, i realize that no matter what I would do, it wasn’t going to work. You keep doing the samething then it’s no one else fault besides your own no matter who’s doing it to ya. So we’re doing it on our own👊🏾 To all that supported me… I’ll see you soon. Too all that didn’t… I’ll see you soon. Wanna thank all my sponsors that are supporting me thru this adventure @redbull @gopro @oakley @dcshoes @sevenmx_ @bell_powersports. And most importantly, I wanna thank my fans for being Ultra Patient with me thru all of this. Wasn’t until last week that I actually had a final plan to go at it this way. For those that tried to break me. Sorry… but you can’t get rid of me that easy. Not quite done yet!👊🏾

A photo posted by James Stewart (@therealjs7) on

 

Transmissão ao vivo de A1?

O AMA Supercross 2017 terá transmissão ao vivo pela internet para o mundo inteiro. Para assistir, será necessário pagar pela transmissão (algo semelhante ao que acontece com o Mundial de Motocross).

Você pode comprar o pacote completo e assistir todas as 17 etapas por 99,99 dólares (cerca de 325 reais). Ou então comprar as etapas separadas. A abertura e a final custam 24,99 dólares (cerca de 80 reais) cada, e as demais rodadas custam 19,99 dólares (cerca de 65 reais) cada uma.

>>> Para comprar todas as etapas, clique aqui.

>>> Para compra a abertura, clique aqui.

Ao finalizar a compra, você receberá um e-mail de confirmação. Depois, é só acessar http://www.supercrosslive.com/live-race para assistir!

 

Yamaha