Como funciona o formato Triple Crown do AMA Supercross

Yamaha
Reed e Plessinger – Foto: Supercross Live

 

Neste ano, o formato Triple Crown do AMA Supercross 2019 acontece em três etapas – Anaheim (3ª), Detroit (8ª) e Houston (13ª).

Para quem acompanha a a Monster Energy Cup, não tem muito mistério. A “Tríplice Coroa” se dá por causa dos três Main Events na mesma etapa.

 

Como funciona a Triple Crown do AMA Supercross?

Nestas etapas não haverá corridas classificatórias (Heat 1 e Heat 2). Os 18 melhores tempos de suas respectivas categorias nos treinos vão direto para as três finais.

Os outros quatro finalistas serão definidos na LCQ (aí sim em corridas).

O que muda em 2019 é que as três finais terão duração igual. Na 450, serão três corridas de 12 minutos + uma volta. Na 250, serão três de 10 minutos + uma volta.

Estas três corridas de cada categoria terão pontuação na Monster Energy Cup e MXoN, com o primeiro fazendo 1 ponto, o segundo somando 2 pontos, o terceiro 3 pontos e assim até 22 pontos.

Ao fim, a classificação da etapa será definida somando estes pontos, e quem tiver MENOS pontos será o vencedor da rodada. E aí sim computados pontos para o campeonato no formato de 26, 23, 21, 19, 18, 17, 16, 15, 14, 13, 12, 11, 10, 9, 8, 7, 6, 5, 4, 3, 2, 1.

 

Horários (de Brasília)

As corridas em Anaheim iniciam à 1h da madrugada de domingo 20.

As repescagens (LCQ) acontecerão antes do evento noturno (na Califórnia), por volta das 22h no Brasil.

 

Transmissão ao vivo

A transmissão ao vivo oficial custa 99 dólares (para toda temporada) e você pode dividir em 4 pessoas (assistir em 4 dispositivos diferentes simultaneamente).

> Clique aqui para comprar

 

 

Bolão BRMX de Anaheim 2

Se é Triple Crown, o resultado do Bolão também é. Ou seja, você deve apostar no resultado final da noite, na soma dos três Main Events.

Boa sorte!

 

+ Clique aqui para ver o ranking do Bolão

Yamaha