AMA Supercross 2020: entenda a punição de Dylan Ferrandis

Yamaha
A imagem mais polêmica do fim de semana e que ainda domina as discussões e rodas de conversa sobre este início de temporada do AMA Supercross 2020

 

A categoria 250SX Costa Oeste têm sido ofuscada pela competitividade da 450SX (que teve 3 vencedores diferentes em 3 rodadas até aqui) no AMA Supercross 2020, mas depois do Main Event selvagem da 250SX Costa Oeste em Anaheim 2, fãs e imprensa especializada não falam em outra coisa que não esteja relacionada a carnificina que aconteceu na disputa pela vitória.

Toda polêmica gira em torno da ultrapassagem agressiva do atual campeão, o francês Dylan Ferrandis, em cima de Christian Craig, que acabou com os dois no chão, mas com Craig levando a pior (confira no vídeo abaixo a partir dos 30 segundos). Ferrandis venceu a corrida, mas nas entrevistas no pódio, foi vaiado pelas quase 50 mil pessoas presentes no Angel Stadium.

 

 

Após a corrida, a AMA atrasou a publicação dos resultados oficiais até a meia-noite, depois que a maioria dos fãs do supercross já estava na cama. Antes que os resultados fossem oficializados, muitas pessoas esperavam e queriam que Dylan Ferrandis fosse punido.

A punição foi divulgada nesta segunda-feira, 20, mas está longe de ser aquilo que os críticos da atitude do francês sonhavam. Ferrandis está agora em liberdade condicional de 12 meses, o que significa que, se ele violar qualquer regra do campeonato neste período, será advertido com uma multa pesada.

– Infelizmente eu tive esse incidente de corrida com o Christian (Craig), que nos fez cair durante o Main Event. Quero me desculpar com ele e espero que ele não esteja ferido, definitivamente não é o jeito que eu queria ultrapassá-lo. Corridas nunca são fáceis, especialmente quando você dedica toda a sua vida as vitórias e tem uma corrida de apenas 15 minutos para conseguir uma. Em algum momento tomei uma decisão que não foi a mais inteligente – disse Ferrandis, em seu Instagram.

– Só consigo controlar aquilo que faço com a minha moto. O que aconteceu ontem à noite estava fora do meu controle. Tenho orgulho de sempre ter sido um esportista exemplar, então não vou dizer mais nada. Estou focado e ansioso pelo próximo fim de semana. Obrigado à minha equipe e a todos os fãs. O apoio de vocês é real e me sinto agradecido – escreveu Craig.

Yamaha