Search

Tudo o que você precisa saber sobre a abertura do AMA Supercross 2016

A temporada 2016 do AMA Supercross começa neste sábado, 9, em Anaheim, Califórnia. Já será madrugada de domingo aqui no Brasil quando o gate cair para a primeira corrida classificatória. Então, se você quer acompanhar tudo, se liga nos tópicos abaixo!

 

:: Na lama

lamaanaheim1_15

Anaheim é palco de competições de supercross desde 1976. A cada corrida, uma pista diferente. Neste ano, o traçado conta com mais de 19 saltos – entre duplos e triplos – e com duas sequencias de costelas. O tempero extra deve ser a chuva. Como mostra a foto postada por Ryan Villopoto em seu perfil de Facebook, choveu bastante durante os últimos dias e deve chover durante a corrida neste sábado. O mesmo estádio – Angel Stadium – recebe também a terceira etapa do campeonato (com outro desenho de pista).

 

 

:: A volta de Bubba

james_stewart_450_moto_1_budds_creek_rice_2479_800x533

Depois de ficar uma temporada inteira afastado por causa de doping por anfetamina, James “Bubba” Stewart está de volta. Aparentemente acima do peso, JS7 foi à coletiva de imprensa desta quinta-feira para dizer que está “muito empolgado” e que se sente “abençoado por poder correr mais uma temporada”. Alegou que sua pré-temporada não foi como esperado por causa de lesões, mas que a temporada é longa – 17 etapas – e ele pretende lutar pelo título.

 

 

:: Estreantes 2016

117283_Pourcel-MonsterCup15-Cudby-008_1024

Nesta temporada, há um trio especial que estreia na 450. Marvin Musquin, Justin Bogle e Christophe Pourcel (foto). Musquin foi campeão da 250 no ano passado, Bogle irá substituir Eli Tomac na GEICO Honda e Pourcel, que foi campeão da 250 em 2010, volta à competição após quatro temporadas ausente para correr nas big bikes.

Christian Craig, da GEICO Honda, não compete do AMA Supercross desde 2013. Volta nesta temporada para reestrear na categoria 250.

Mark Worth (Motorcycle Superstore Suzuki), Hayden Mellross (51Fifty Energy Drink Yamaha), Chase Marquier (Crossland Racing Honda), Mitchell Harrison (Yamalube/Star Racing Yamaha) e Darian Sanayei (Bud Racing Kawasaki) iniciam sua carreira profissional neste ano. Será que farão algum barulho?

 

 

:: Ausências

baggett_amasx

Por enquanto, dois pilotos da “linha de frente” estão fora da abertura do AMA Supercross. Blake Baggett (foto), da Yoshimura Suzuki, sofreu uma queda em dezembro durante os treinos na Califórnia e fraturou clavícula, costela e escápula.

E no início de dezembro, Andrew Short, da BTOSports.com KTM, lesionou o ombro durante os treinos da pré-temporada e está fora da abertura. Short também anunciou que essa temporada será a última de sua carreira profissional.

Interessante também que Josh Grant, vencedor de uma bateria na última etapa do Mundial de Motocross, em Glen Helen, sequer aparece na lista de inscritos para Anaheim 1. Grant fazia parte da equipe de Chad Reed no ano passado. Depois integrou o time oficial da Kawasaki, mas em 2016 só deu as caras de Suzuki em alguns free rides.

 

:: Transmissão ao vivo

largada450_anaheim2015

As transmissões do AMA SX no BRMX já são um clássico da FAMÍLIA brasileira. Neste ano, se for igual 2015, a própria organização irá liberar o link oficial das provas. Você pode acompanhar os treinos da tarde e, à noite, assistir todas as corridas desde as classificatórias.

>>> Clique aqui para assistir!

Todas as etapas serão transmitidas no link acima. Os horários variam, dependendo da região dos EUA em que rolam as corridas.

A transmissão da primeira etapa começa às 18h30 de sábado, 9, com os treinos. As corridas rolam a partir da 1h da madrugada de sábado para domingo, 10. Sempre pelo horário de Brasília.

 

 

:: Expectativa alta na Honda

Desde 2003, com Ricky Carmichael, a Honda não conquista um título na categoria principal do AMA SX. Neste 2016, Cole Seely e Trey Canard têm essa missão. Serão capazes?

 

 

:: Lista de pilotos inscritos

450 SX

1. Ryan Dungey – KTM 450 SX-F Factory Edition
3. Eli Tomac – Kawasaki KX 450F
7. James Stewart – Suzuki RM-Z450
10. Justin Brayton – KTM 450SX-F Factory Edition
11. Kyle Chisholm – Honda CRF 450
12. Jacob Weimer – Kawasaki KX 450F
14. Cole Seely – Honda CRF 450
15. Dean Wilson – KTM 450 SX-F Factory Edition
18. Davi Millsaps – KTM 450 SX-F Factory Edition
19. Justin Bogle – Honda CRF 450
20. Broc Tickle – Suzuki RM-Z450
21. Jason Anderson – Husqvarna FC450
22. Chad Reed – Yamaha YZ450F
25. Marvin Musquin – KTM 450 SX-F Factory Edition
28. Weston Peick – Yamaha YZ450F
41. Trey Canard – Honda CRF 450
47. Thomas Hahn    – Yamaha YZ450F
51. Justin Barcia – Yamaha YZ450F
54. William Hahn – Kawasaki KX 450F
55. Vince Friese – Honda CRF 450
79. Nicholas Schmidt – Suzuki RM-Z450
94. Ken Roczen – Suzuki RM-Z450
95. Dustin Pipes – Suzuki RM-Z450
120. Todd Bannister – Honda CRF 450
135. Robert Fitch – Kawasaki KX 450F
194. Joel Newton – Suzuki RM-Z450
240. Bryce Stewart – Yamaha YZ450F
247. Teddy Parks – Suzuki RM-Z450
282. Theodore Pauli – Honda CRF 450
291. Kyle White – Honda CRF 450
314. Alex Ray – Honda CRF 450
323. Tanner Sawyer – Suzuki RM-Z450
364. Kyle Tigert – Yamaha YZ450F
377. Christophe Pourcel – Husqvarna FC450
421. Vann Martin – Honda CRF 450
455. Justin Ashburn – Honda CRF 450
501. Scotty Wennerstrom – Kawasaki KX 450F
509. Alexander Nagy – Suzuki RM-Z450
542. Johnnie Buller – Suzuki RM-Z450
619. Mark Weishaar – Yamaha YZ450F
662. Travis Bannister – Honda CRF 450
713. Chad Cook – Honda CRF 450
722. Adam Enticknap – Honda CRF 450
723. Tyler Enticknap – Honda CRF 450
745. Adrian Roman – Kawasaki KX 450F
757. Bradley Ward – Yamaha YZ450F
761. Cade Clason – Honda CRF 450
778. Lawson Bopping – Yamaha YZ450F
800. Mike Alessi – Honda CRF 450
846. Jason Kueber – Kawasaki KX 450F
918. Michael Akaydin – KTM 450 SX-F
990. Jarrad Hockley – Kawasaki KX 450F

 

250SX Oeste

1. Cooper Webb – Yamaha YZ250F
13. Jessy Nelson – KTM 250 SX-F
16. Zach Osborne – Husqvarna FC250
26. Alex Martin – Yamaha YZ250F
35. Chris Alldredge – Kawasaki KX 250F
37. Joey Savatgy – Kawasaki KX 250F
38. Christian Craig – Honda CRF 250
39. Jordon Smith – Honda CRF 250
40. Kyle Peters – Honda CRF 250
42. Mitchell Oldenburg – KTM 250 SX-F
43. Fredrik Noren – Honda CRF 250
45. Kyle Cunningham – Suzuki RM-Z250
53. Tyler Bowers – Kawasaki KX 250F
56. Jackson Richardson – Honda CRF 250
58. James Decotis – Honda CRF 250
65. Zachary Bell – Yamaha YZ250F
66. Arnaud Tonus – Kawasaki KX 250F
68. Cole Martinez – Yamaha YZ250F
69. Colt Nichols – Yamaha YZ250F
72. Hayden Mellross – Yamaha YZ250F
76. Scott Champion – Yamaha YZ250F
78. Daniel Baker – Suzuki RM-Z250
82. Trevor Reis – Yamaha YZ250F
85. Michael Leib – Yamaha YZ250F
87. Austin Politelli – Yamaha YZ250F
91. Brandon Scharer – Yamaha YZ250F
92. Ryan Breece    Athol – Yamaha YZ250F
96. Noah McConahy – Husqvarna FC250
98. Darian Sanayei – Kawasaki KX 250F
127. Cole Thompson – KTM 250 SX-F
138. Blake Lilly – KTM 250 SX-F
145. Travis Smith – Honda CRF 250
151. Dakota Tedder – Kawasaki KX 250F
172. Mark Worth    Queen Creek – RM-Z250
177. Derek Stephens – KTM 250 SX-F
188. Dillan Epstein – Kawasaki KX 250F
192. Beni Williams – Yamaha YZ250F
212. Chase Marquier – Honda CRF 250
222. Chris Howell – Husqvarna FC250
251. Kyle Gills    Boise – KX 250F
252. Kevin Weisbruch – Kawasaki KX 250F
271. Kyle Fry – Yamaha YZ250F
275. Johnny Jelderda – Yamaha YZ250F
289. Mitchell Harrison – Yamaha YZ250F
321. Bradley Lionnet – Kawasaki KX 250F
352. Alex Harvill – Suzuki RM-Z250
381. Kinser Endicott – Yamaha YZ250F
383. Casey Brennan – Yamaha YZ250F
384. Walther Lolli – Kawasaki KX 250F
388. Brandan Leith – Kawasaki KX 250F
417. Conner Monks – KTM 250 SX-F
422. Philipp Klakow – Kawasaki KX 250F
424. Tyler Custer – Honda CRF 250
436. Jason Bunch – Yamaha YZ250F
448. Broc Shoemaker – Yamaha YZ250F
486. Damon Back    Roosevelt – Kawasaki KX 250F
536. Erick Meusling – Honda CRF 250
608. David Pulley – Yamaha YZ250F
614. Geran Stapleton – Honda CRF 250
642. Nick Kouwenberg – Honda CRF 250
715. Kele Russell – Yamaha YZ250F
733. Steven Mages – KTM 250 SX-F
767. Mason Wharton – Kawasaki KX 250F
772. Thomas Do – Honda CRF 250
792. Bracken Hall – Honda CRF 250
806. Conner Stouff – Honda CRF 250
820. Dalton Oxborrow – Kawasaki KX 250F
825. Zach Peddie – Yamaha YZ250F
902. Killian Auberson – Suzuki RM-Z250
903. Cody Doerfler – Kawasaki KX 250F
941. Maxime Desprey – Kawasaki KX 250F
992. Jordyn Scalvini – Kawasaki KX 250F

 

 

:: Vencedores em Anaheim

Vale a pena analisar quem foram os vencedores em Anaheim nos anos anteriores. A lista da 450 se inicia em 1976 com a vitória de Marty Smith, e a da 250 começa em 1985 com Mike Healy.

É interessante observar as datas das vitórias na 250 de grandes nomes como Ryan Dungey, James “Bubba” Stewart, Eli Tomac, Ryan Villopoto e Jeremy McGrath.

 

450 SX

2015 – Ryan Dungey
2015 –  Ken Roczen
2015 –  Ken Roczen
2014 –  Chad Reed
2014 – Chad Reed
2014 – Ken Roczen
2013 – Ryan Dungey
2013 – Ryan Villopoto
2013 – Davi Millsaps
2012 – Ryan Villopoto
2011 James Stewart
2011 – Ryan Villopoto
2010 – Ryan Villopoto
2010 – Ryan Dungey
2010 – James Stewart
2009 – James Stewart
2009 – James Stewart
2009 – Josh Grant
2008 – Chad Reed
2008 – Chad Reed
2008 – Chad Reed
2007 – James Stewart
2007 – James Stewart
2007 – James Stewart
2006 – James Stewart
2006 – Ricky Carmichael
2006 – Ricky Carmichael
2005 – Kevin Windham
2005 – Ricky Carmichael
2005 – Ricky Carmichael
2004 – Chad Reed
2004 – Chad Reed
2004 – Kevin Windham
2003 – Chad Reed
2003 – Ricky Carmichael
2003 – Ricky Carmichael
2002 – David Vuillemin
2002 – Mike LaRocco
2002 – Ricky Carmichael
2001 – Jeremy McGrath
2001 – Jeremy McGrath
2001 – Ricky Carmichael
2000 – Jeremy McGrath
2000 – Jeremy McGrath
1999 – Ezra Lusk
1999 – Ezra Lusk
1996 – Jeremy McGrath
1995 – Jeremy McGrath
1994 – Jeremy McGrath
1993 – Jeremy McGrath
1992 – Damon Bradshaw
1991 – Jeff Stanton
1990 – Damon Bradshaw
1989 – Rick Johnson
1987 – Jeff Ward
1986 – David Bailey
1985 – Broc Glover
1984 – Johnny O’Mara
1983 – David Bailey
1982 – Donnie Hansen
1981 – Kent Howerton
1979 – Kent Howerton
1978 – Gaylon Mosier
1977 – Bob Hannah
1976 – Marty Smith

 

250 SX

2015 – Cooper Webb
2015 – Cooper Webb
2015 – Jessy Nelson
2014 – Dean Wilson
2014 – Cole Seely
2014 – Jason Anderson
2013 – Ken Roczen
2013 – Eli Tomac
2013 – Eli Tomac
2012 – Cole Seely
2011 – Joshua Hansen
2011 – Joshua Hansen
2010 – Trey Canard
2010 – Jake Weimer
2010 – Jake Weimer
2009 – Jake Weimer
2009 – Ryan Dungey
2009 – Jake Weimer
2008 – Ryan Dungey
2008 – Ryan Dungey
2008 – Jason Lawrence
2007 – Ryan Villopoto
2007 – Ryan Villopoto
2007 – Ryan Villopoto
2006 – Andrew Short
2006 – Grant Langston
2006 – Grant Langston
2005 – Nathan Ramse
2005 – Ivan Tedesco
2005 – Ivan Tedesco
2004 – Ivan Tedesco
2004 – Ivan Tedesco
2004 – Ivan Tedesco
2003 – Travis Preston
2003 – James Stewart
2003 – James Stewart
2002 – Travis Preston
2002 – David Pingree
2002 – Brock Sellards
2001 – Ernesto Fonseca
2001 – Ernesto Fonseca
2001 – Ernesto Fonseca
2000 – David Pingree
2000 – Tallon Vohland
1999 – Casey Johnson
1999 – Nathan Ramsey
1996 – Kevin Windham
1995 – Damon Huffman
1994 – Damon Huffman
1993 – Damon Huffman
1992 – Jeremy McGrath
1991 – Jeremy McGrath
1990 – Michael Craig
1989 – Jeff Matiasevich
1987 – Jeff Matiasevich
1986 – Tyson Vohland
1985 – Mike Healy

 

 

:: Candidatos ao título

Ryan Dungey inicia a temporada como principal favorito não apenas por ser o atual campeão da 450, mas também por sua grande capacidade técnica e consistência na temporada. “The Diesel” deve ter Ken Roczen, Trey Canard, Eli Tomac e Justin Barcia como seus principais oponentes. Ou será James “Bubba” Stewart capaz de voltar a brilhar após uma temporada inteira longe das competições?

Na 250 Costa Oeste, Cooper Webb, Joey Savagty, Alex Martin, Tyler Bowers, Jessy Nelson, Christian Craig, entre outros, devem se acotovelar pela vitória. Em quem você aposta?

 

:: Bolão BRMX

Muuuuuuuuitos já perguntaram se haverá Bolão BRMX. A resposta é não. Pelo menos por enquanto. O Bolão é moroso, demanda muito trabalho e dá uma certa despesa para o BRMX. Gostamos muito dele e queremos trazê-lo de volta o mais breve possível, mas antes algumas coisas precisam mudar. Talvez, em algumas etapas, teremos edições especiais de apostas. Aguarde as novidades!

 

 

:: É novo por aqui?

Sempre tem gente nova acessando site, querendo descobrir o esporte. Por isso elaboramos cinco perguntas e respostas que vão ajudar essa galera a entender melhor nosso querido AMA Supercross.

1. Por que Costa Oeste e Costa Leste? – a categoria 250SX é dividida em duas conferências, Oeste e Leste, assim como acontece em outros esportes norte-americanos. É como se no Brasil tivéssemos um campeonato do Sul e outro do Norte. Serve para dividir as despesas de viagens e acrescenta outro tempero ao campeonato, já que na metade da temporada começa outra disputa, e no fim as duas conferências se juntam para o “shootout”, uma espécie de “tira-teima” para ver quem é melhor, mesmo que cada uma já tenha definido seu campeão. Primeiro acontecem as corridas da Costa Oeste.

2. Quantas etapas tem o campeonato? – a categoria 450SX tem 17 etapas. A 250SX tem 8 etapas da Costa Oeste e 8 etapas da Costa Leste, mais a final.

3. Como funcionam as corridas? – as provas são dentro de estádios, em pistas construídas exclusivamente para o evento, repletas de rampas. Tudo acontece no sábado. Durante o dia rolam os treinos. À noite, rolam corridas classificatórias (Heat 1 e Heat 2), repescagens (LCQ) e finais (Main Event). Apenas os resultados dos Main Events valem pontos para o campeonato.

4. Tem algum brasileiro participando? – em 2016, não. Mas alguns pilotos tupiniquins já participaram. Os exemplos mais marcantes são de Balbi Junior e Jean Ramos.

5. Vai passar ao vivo? – todas as etapas terão transmissão ao vivo. No Brasil, é possível assistir apenas pela internet. O BRMX – NESTE LINK – sempre apresentará a transmissão da maneira que for possível.