Carlos Campano vence segunda etapa do Arena Cross 2014

Yamaha
largada2 arena cross
Largada da segunda bateria. Repare como Campano saiu mal – Foto: Mau Haas / BRMX

 

campano arena cross
Campano – Foto: Mau Haas / BRMX

Carlos Campano, da Yamaha Grupo Geração, ganhou as duas baterias da segunda etapa do Arena Cross 2014. As provas foram realizadas na noite deste sábado, 24, em Uberlândia, Minas Gerais e mais uma vez o espanhol demonstrou uma pilotagem segura nas duas baterias. Fez largadas razoáveis e depois conseguiu alcançar o primeiro posto para vencer. Com os resultados, Campano aumentou sua vantagem na liderança da categoria Pró. Agora soma 40 pontos, dez a mais que o vice-líder Julien Bill.

– Na primeira bateria eu consegui uma boa largada e logo estava em primeiro lugar, e na segunda, mesmo sem ter largado muito bem, consegui me aproximar dos ponteiros rapidamente. Com um pouco de paciência, ganhei a primeira posição e pude vencer outra vez – resume Campano. – Estou muito feliz por manter a liderança do campeonato. Agora é seguir somando para tentar trazer este título para a equipe – emenda o espanhol, que foi ovacionado pelo público no fim das corridas.

>>> Acesse a classificação do campeonato
>>> Veja todos os resultados da noite!
>>> Saiba como foram os treinos

O suíço Julien Bill, da Honda Mobil, foi constante em ambas as baterias. Imprimiu ritmo forte e chegou a levantar a torcida no duelo com Carlos Campano. Completando o pódio, Jetro Salazar, da Escuderia X, mostrou velocidade e consistência. Depois de um tombo na primeira bateria, foi muito veloz na segunda corrida da noite, cravando inclusive a melhor volta do dia nos minutos finais da bateria derradeira da categoria Pró.

– Em ambas as baterias, demorei a encontrar a linha rápida. Na primeira, errei e paguei com um péssimo resultado. Mas na segunda, eu já sabia o que era necessário para melhorar – disse Salazar.

 

salazar arena cross
Salazar fez a volta mais rápida do dia, na casa dos 30 segundos – Foto: Mau Haas / BRMX

 

Jean Ramos, da equipe IMS Racing, que chegou a Uberlândia empatado com Campano na liderança, viveu noite difícil. Depois de cair nos dois treinos, o piloto começou mal a primeira bateria, mas conseguiu se recuperar e chegar à segunda posição. Na segunda bateria, porém, após largar em primeiro sofreu mais uma forte queda, que empenou seu guidão e fez com que o piloto perdesse muito tempo até voltar para a pista.

– Foi um dia bem difícil, cometi vários erros e isso prejudicou minha concentração, a queda acabou de vez com minha corrida, mas já estou pronto para a próxima – comentou Jean.

 

Resumo das baterias

bill arena cross
Julien Bill é o vice-líder do campeonato – Foto: Mau Haas / BRMX

 

1ª bateria – Julien Bill fez o holeshot, mas na sequência Campano o ultrapassou. Além da dupla, o primeiro pelotão contava com o venezuelano Humberto Martin e o equatoriano Jetro Salazar. Já os brasileiros Wellington Garcia, Pipo Castro e Leandro Silva se enroscaram na curva após o salto de chegada. Pior para Leandro, que demorou a voltar para corrida e assim perdeu muito tempo.

Em primeiro, Campano perdeu o posto na quinta volta, quando cometeu um erro. Ele cedeu duas posições, sendo a primeira para o suíço e a segunda para o venezuelano Machito. Sem se dar por satisfeito, o espanhol foi em busca da recuperação. Na 11ª volta, ele e Bill andaram praticamente lado a lado e levantaram o público presente. Em ritmo mais rápido, ele retornou ao primeiro lugar.

A liderança de Campano coincidiu com a melhora de desempenho de Jean Ramos. O paranaense chegou ao segundo lugar após desbancar Bill. Ele até tentou ultrapassar o líder, mas já era tarde. Assim, ficou em segundo, seguido do suíço. Martin acabou em quarto, e Rafael Faria, em quinto. Salazar caiu ainda nas primeiras voltas e chegou em nono.

 

machitojean arena cross
Machito e Jean fizeram bom duelo – Foto: Mau Haas / BRMX

 

2ª bateria Pró – Forte largada de Jean Ramos. Na sequência apareciam Humberto Martin e Julien Bill, além de Campano, que mesmo largando mal, conseguiu boas ultrapassagens ainda na primeira volta. Ainda no início, Martin ultrapassou Jean. A disputa pelo primeiro lugar ganhou mais emoção quando Campano, em uma manobra arrojada, ultrapassou a dupla de uma só vez. Foi o bastante para o espanhol abrir caminho e alcançar sua segunda vitória no dia.

Já Martin, ao aterrissar no salto de chegada, caiu. Ele levou junto Jean, porém o rival conseguiu rapidamente se reerguer. Na quarta volta, Jean voltou a levar um tombo, desta vez na seção de costelas. Mesmo com problemas no guidão da moto, ele tentou retornar. Após algumas voltas, abandonou.

Com isso, Rafael Faria assumiu o segundo lugar. A poucas voltas do fim, ele também sucumbiu e foi ao chão. A posição até caiu no colo do Bill, porém Jetro Salazar, que vinha logo atrás do suíço, roubou-lhe o posto. Bill terminou em terceiro, seguido de Leandro Silva, que venceu embate com Adam Chatfield.

 

:: Resultados da segunda etapa do Arena Cross 2014

Pró
1. Carlos Campano (1-1)
2. Julien Bill (3-3)
3. Jetro Salazar (9-2)
4. Humberto “Machito” Martin (4-8)
5. Pipo Castro (7-5)
6. Leandro Silva (10-4)
7. Ratinho Lima (6-7)
8. Rafael Faria (5-10)
9. Jean Ramos (2-DNF)
10. Adam Chatfield (11-6)

 

:: Classificação do Arena Cross após duas etapas

Pró
1. Carlos Campano – 77 pontos
2. Julien Bill – 60 pontos
3. Jean Ramos – 54 pontos
4. Pipo Castro – 44 pontos
5. Jetro Salazar – 43 pontos

 

campanopodio arena cross
Campano fez a festa no pódio – Foto: Mau Haas / BRMX

 

:: Você pode rever as corridas no monitor abaixo! Aproveite!

Yamaha