BRMX Tips – tudo o que você precisa saber sobre a abertura do AMA Supercross 2014

ryanvillopoto
O rei do momento. Alguém desbancará RV2? – Foto: Feld Motorsports

 

roczentedesco
Roczen e Tedesco – Foto: Feld M.

Começa neste sábado, 4, o campeonato mais aguardado pelos leitores do BRMX. Acompanhe as transmissões ao vivo, interaja conosco no Facebook, no Instagram ou no Twitter, participe das promoções e do Bolão BRMX.

Abaixo você confere as dicas para esta primeira etapa da temporada. Fique esperto!

 

:: Transmissão

Dois canais da Fox Sports nos Estados Unidos farão a transmissão de TODA temporada ao vivo pela primeira vez na história. Para assistir no Brasil, somente pela internet. O BRMX trará a cada rodada os links e os vídeos. Basta acessar www.brmx.com.br/AOVIVO nos dias de corridas.

Detalhe que neste ano, além de Ralph Scheen, Jeff Emig e Ricky Carmichael, algumas transmissões terão Kevin Windham e Jeremy McGrath nos comentários.

 

:: Horários (todos de Brasília)

20h – início da transmissão dos treinos
1h da madrugada de domingo – início das corridas

 

:: Pista virtual

 

:: O que muda neste ano?

Basicamente, muda o modelo de classificação para a final na 450SX. Classificam direto os quatro primeiros de cada classificatória (Heat 1 e Heat 2). Depois rolam as semifinais, das quais saem mais cinco pilotos de cada, somando 18 atletas com os que vieram das classificatórias. Mais quatro pilotos saem da Last Chance (repescagem), chegando aos 22 que correrão a final (Main Event).

Na 250SX, segue quase igual ao ano passado, com Heat 1 e 2 + Last Chance. A diferença é que neste ano passam quatro pilotos pela Last Chance.

 

:: Eli Tomac na pré-temporada

 

:: Villopoto para a história

Ryan Villopoto vai em busca de seu quarto título CONSECUTIVO de AMA SX. Apenas Jeremy McGrath conseguiu tal feito na história – aliás, apenas McGrath e Ricky Carmichael conseguiram ser mais que três vezes campeões da competição.

Quem pode pará-lo? James “Bubba” Stewart, Ryan Dungey, Chad Reed, Ken Roczen, Eli Tomac, Justin Barcia serão seus maiores concorrentes.

Bubba é o terceiro piloto que mais ganhou corridas – 45 – de AMA SX na história, atrás apenas de RC e MacGrath. Tem dois títulos na bagagem, assim como Chad Reed, que é o próximo da lista com 41 vitórias. O australiano, aliás, mudou da Honda para a Kawasaki e promete motivação extra em 2014.

Dungey, campeão em 2010, tem sido o principal adversário de RV nos últimos anos, enquanto Roczen e Tomac fazem suas temporadas de estreia na 450.

 

:: Estão fora

Trey Canard e Davi Millsaps, lesionados, estão fora de combate para esta etapa, desfalcando o time de candidatos a vitória na 450.

 

:: Dean Wilson treinando

 

:: E a 250?

Desde 1974, quando começou o AMA Supercross, a categoria hoje chamada de 250SX serviu de porta de entrada para a categoria principal. Separando o país em duas conferências – Costa Oeste e Costa Leste – os pilotos mais jovens têm a metade de etapas para correr em relação à 450SX.

As seis etapas iniciais são na Costa Oeste. Dean Wilson é o grande favorito nesta conferência, que também terá as presenças de Zach Osborne, Jason Anderson, Cole Seely, Malcolm Stewart, Justin Hill, Cooper Webb, Valentin Teillet, Dean Ferris, Zach Bell, Jessy Nelson e Darryn Durham como protagonistas.

 

reedbubba
Chad Reed e Bubba ainda têm lenha para queimar? – Foto: Feld Motorsports

 

:: História

Anaheim já sediou 60 eventos de 450SX e 52 eventos de 250SX. A primeira corrida no Angel Stadium foi em 1976, com vitória de Mart Smith, de Honda. Este ano será a 24ª vez que a cidade receberá o evento de abertura da temporada.

Carmichael, McGrath e Bubba são os pilotos que mais venceram nas corridas de abertura em Anaheim, com oito vitórias cada um na classe principal.

No ano passado, Davi Millsaps venceu. Trey Canard, Ryan Dungey, Chad Reed e Jake Weimer completaram o TOP 5.

Na 250, em 2013, Eli Tomac saiu vencedor, seguido de Ken Roczen, Cole Seely, Jason Anderson e Malcolm Stewart.

 

justinbarcia2014
Justin Barcia – Foto: Feld Motorsports