Você atleta já sofreu ou sofre de ansiedade?

Coluna da fisioterapeuta, Roberta Bueno, especialista em Fisioterapia Esportiva (Recovery, registrada no Crefito 45972) e também mãe do piloto Pepê Bueno. Com vasta experiência no trabalho de recuperação seja de pilotos profissionais ou amadores e entende que as lesões fazem parte da vida de quem pratica esportes. Abaixo, entenda como a fisioterapia pode auxiliar nos casos de ansiedade.

* texto: Roberta Bueno
Instagram: @robbuenoo
WhatsApp: 41 9907-0302

 

 

A ansiedade de maneira geral é um estado emocional desagradável acompanhado de um desconforto físico. É um mal que geralmente afeta o treino, a prova ou até anos de campeonatos. O atleta pode imaginar que tem algo errado, porém não consegue se auto diagnosticar.

A ansiedade mina a mente do atleta, consome a energia do corpo e desta forma o atleta fica sem forças, desmotivado e consequentemente o seu rendimento é afetado. A ansiedade atinge tanto atletas mirins como adultos. As cobranças rotineiras começam a surgir e, de acordo com o quadro clínico do atleta, o mesmo acaba não conseguindo administrar sua deficiência e isso acaba influenciando no resultado final.

 

Sintomas

1. Enxergar perigo em tudo;
2. Apetite desregulado;
3. Alterações de sono;
4. Tensão muscular;
5. Medo de falar em público;
6. Preocupações em excesso;
7. Ficar sempre próximo de ataques de nervos;
8. Medos irracionais;
9. Inquietação constante;
10. Sintomas físicos;
11. Pensamentos obsessivos;
12. Perfeccionismo;
13. Problemas digestivos.

 

Tratamentos

Existem vários tipos de tratamento para ansiedade. Você pode tratá-la através da psicologia, psiquiatria e também com fisioterapia. A fisioterapia tem ganhado um espaço significativo por ser um tratamento mais completo e isento de medicação. Alguns exemplos de técnicas possíveis são: pontos gatilhos, liberação miofascial, reiki, drenagem linfática, Bawen, Do-In e massagem sueca.

Através de pontos gatilhos estratégicos conseguimos trabalhar corpo e mente juntos, mesmo que o atleta não tenha real conhecimento da sua deficiência.

A fisioterapia oferece inúmeros tratamentos, uso de aparelhos e técnicas para a ansiedade.
Eu particularmente aposto nas Terapias Manuais, porque independente do grau da Ansiedade elas oferecem uma infinidade de técnicas com resultados rápidos e satisfatórios.