Time britânico para Motocross das Nações 2012 terá Tommy Searle e Max Anstie andando de 450cc


Jake Nicholls será o representante britânico na MX2 – Foto: Youthstream

O time britânico para a 66ª edição do Motocross das Nações terá somente pilotos que fizeram a temporada do Mundial de Motocross a bordo de uma 250cc.

Tommy Searle correrá de 450cc na MX1 – fazendo uma “prévia” da temporada 2013 –, Jake Nicholls será o representante na MX2, e Max Anstie, de 450cc, competirá na MX3/Open.

O anúncio aconteceu – conforme a publicação Otor Magazine – durante o GP da Grã Bretanha, realizado no fim de semana passado, dias 18 e 19 de agosto, causando discussões sobre o representante na MX3.

Shaun Simpson era o mais cotado para a vaga por ser o único britânico competindo regularmente de 450cc no Mundial de Motocross 2012, ocupando atualmente a décima posição na MX1.

Mas Anstie – sétimo colocado na MX2 – foi escolhido pelo chefe de equipe Neil Price com a justificativa de que seria mais rápido na areia de Lommel, Bélgica, onde acontece o MXoN no final de setembro.

O ponto decisivo a favor de Anstie teria acontecido há poucas semanas, quando ele venceu Simpson com uma Honda original – se comenta que Simpson também estava com problemas mecânicos – em Howkstone Park, numa prova do Campeonato Inglês.

– Estou honrado em fazer parte do time. A 450 e aquela potência extra me encantam. Estou treinando muito nas areias ao redor de Lommel para fazer um grande trabalho – disse Anstie.

Tommy Searle é o atual vice-líder da MX2 do Mundial de Motocross, enquanto Jake Nicholls ocupa a quinta posição na mesma categoria.

Equipes confirmadas para MXoN 2012

Grã Bretanha
Tommy Searle – MX1
Jake Nicholls – MX2
Max Anstie – MX3

EUA
Ryan Dungey – MX1
Blake Baggett – MX2
Justin Barcia – MX3

Itália
Antonio Cairoli – MX1
Alessandro Lupino – MX2
Davide Guarneri – MX3

Bélgica
Clement Desalle – MX1
Jeremy van Horebeek – MX2
Ken de Dycker – MX3

Nova Zelândia

Cody Cooper – MX1
Kayne Lamont – MX2
Josh Coppings – MX3