Temporada 2016 da MXGP começará com seis campeões mundiais e 18 vencedores de GP no gate

mxgpARG_domingo_mauhaas-15
Quem é o seu favorito? – Crédito: Mau Haas / BRMX

 

A lista de pilotos que disputarão a classe MXGP do Mundial em 2016 inclui seis campeões mundiais e 18 vencedores distintos de GP’s, o que mostra um bom nível técnico, com mais da metade do gate formado por pilotos de expressão. São 192 vitórias em GP’s deste grupo, sendo 74 delas de Antonio Cairoli.

Os únicos campeões mundiais dos últimos 14 anos que NÃO irão competir nesta temporada são: Stefan Everts (vencedor em 2003/MXGP, 2004/MXGP, 2005/MXGP, 2006/MXGP), Christophe Pourcel (2006/MX2), Steve Ramon (2003/MX2, 2007/MXGP), Tyla Rattray (2008/MX2), Marvin Musquin (2009 e 2010/MX2), Ken Roczen (2011/MX2) e Jeffrey Herlings (2012 e 2013/MX2).

Dos sete citados acima, somente quatro continuam a competir, porém não na categoria MXGP: Pourcel, Musquin, Roczen competem no AMA, e Herlings encara seu último ano na MX2.

A temporada começa no dia 27 de fevereiro, no Catar. Acesse este link para ver o calendário completo!

 

:: Campeões mundiais de 2004 à 2015 que disputarão a MXGP em 2016

Ben Townley – 2004/MX2
David Philippaerts – 2008/MXGP
Antonio Cairoli – 2005, 2007, 2009/MX2, 2010, 2011, 2012, 2013, 2014/MXGP
Romain Febvre – 2015/MXGP
Jordi Tixier – 2014/MX2
Tim Gajser – 2015/MX2

 

:: Ganhadores de GP que irão competir na temporada 2016

Antonio Cairoli – 74 vitórias em GP
Clement Desalle – 19 vitórias em GP
Tommy Searle – 14 vitórias em GP
Ben Townley – 13 vitórias em GP
David Philippaerts – 12 vitórias em GP
Gautier Paulin – 11 vitórias em GP
Romain Febvre – 9 vitórias em GP
Max Nagl – 8 vitórias em GP
Kevin Strijbos – 5 vitórias em GP
Ken De Dycker – 5 vitórias em GP
Tim Gajser – 5 vitórias em GP
Rui Goncalves – 4 vitórias em GP
Valentin Guillod – 3 vitórias em GP
Shaun Simpson – 3 vitórias em GP
Jordi Tixier – 2 vitórias em GP
Glenn Coldenhoff – 2 vitórias em GP
Jeremy Van Horebeek – 2 vitórias em GP
Evgeny Bobryshev – 1 vitória em GP

 

Interessante, né?