Sexta-feira de vistorias, caminhada na pista e ajustes finais para o GP Brasil de Motocross 2014

Yamaha
desalle_mauhaas
Motos oficial e reserva de Clement Desalle – Foto: Mau Haas / BRMX

 

O sol brilhou forte nesta sexta-feira, 28, no GP Brasil do Mundial de Motocross 2014, em Penha, Santa Catarina. Muita gente reclamou do calor, que deve permanecer pelos próximos dias. A previsão do tempo é de sol para sábado e um pouco de chuva para domingo, nada que vá estragar as corridas.

Pilotos caminharam pela pista, circularam pelo box, enquanto as equipes trabalharam para fazer as motos passarem pela vistoria que, entre outros detalhes, confere os decibéis do ronco e o peso de cada motocicleta. Pouca coisa mudou no traçado. Algumas rampas ficaram maiores mas, no geral, é tudo igual ao ano passado.

Há rumores nos bastidores de que Jeffrey Herlings, o astro da MX2, poderia aparecer de surpresa. Jornalistas europeus dizem que ele quer vir, e que poderia estar a caminho. Será?

>>> Confira o Guia BRMX para a corrida e saiba tudo!>>> Siga @brasileiromx no Instagram e acompanhe a cobertura em fotos e vídeo

Os brasileiros também já ocuparam seus espaços no box. O “paddock”, como chamam ou gringos, tem duas áreas: uma coberta, onde ficam as principais equipes, e outra aberta, onde os pilotos brasileiros montam suas estruturas, as mesmas que utilizam nos campeonatos nacionais.

Alguns brasileiros dão suporte para pilotos gringos. Ademir “Aço” Todeschini e sua família são um exemplo. Eles cedem o motorhome e fazem comida para o italiano David Philippaerts. Assim, ganham espaço no box, credencial, e ainda convivem com uma das estrelas do esporte.

 

_MG_5773 copy
Max Anstie e Adam Chatfield – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5770 copy
Moto de Clement Desalle na vistoria – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5767 copy
David Philippaerts – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5727 copy
Moto de Jeremy van Horebeek – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5744 copy
Vista do box com o parque ao fundo – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5732 copy
Ajustes na moto de Max Nagl – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5708 copy
Moto de Glenn Coldenhoff – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5698 copy
Pascal Rauchenecker (moto #281) substitui Tyla Rattray – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5697 copy
Moto de Tanel Leok – Foto: Mau Haas / BRMX

 

_MG_5695 copy
Motos de Tony Cairoli – Foto: Mau Haas / BRMX

 

Yamaha