Resultados da sexta etapa do AMA Motocross 2015, em Budds Creek

justin_barcia_450_moto_2_budds_creek_RICE_8945_800x533
Barcia venceu pela primeira vez nesta temporada – Foto: Matt Rice

 

A sexta etapa do AMA Motocross 2015, realizada neste sábado, 27, foi bem peculiar, especialmente pela chuva que caiu no circuito de Budds Creek, em Mechanicsville, no estado de Maryland. A segunda bateria da 450 chegou a ficar suspensa por horas até que a suspeita de TORNADO se dissipasse. Com a pista muito enlameada (ainda mais que nas primeiras baterias), os atletas foram para a batalha. E o resultado foi surpreendente.

A sétima das 12 etapas deste ano será no próximo sábado, 4, em na pista de Red Bud.

Mais detalhes abaixo.

 

Vídeos

:: Melhores momentos

 

:: Onboard com Roczen

 

 

Resultados da sexta etapa

:: 450 – soma das baterias
450_sextaetapa_amamx

Na primeira bateria, o líder do campeonato, Ryan Dungey, dominou as ações. Depois de largar em primeiro, “The Diesel” liderou todas as voltas até a bandeirada final sem ser realmente ameaçado. O mais interessante nesta bateria foi o desempenho de Ken Roczen, que andou até os últimos instantes em segundo, mas perdeu rendimento no final e acabou em quinto.

Na segunda bateria, que começou com duas horas de atraso por causa da forte chuva, Dungey largou bem outra vez, mas acabou caindo e tendo problemas na moto. Barcia assumiu a ponta ainda nas primeiras curvas e abriu larga vantagem na frente. Assim, Barcia chegou a sua primeira vitória da carreira na 450 e, com 3-1 nas duas corridas, subiu no lugar mais alto do pódio da rodada.

Atrás de Barcia, na segunda bateria, rolou uma batalha interessante entre Christophe Pourcel e Blake Baggett. Os dois trocaram de posição algumas vezes e no fim até admitiram que se divertiram bastante com a batalha. Os dois completaram o pódio da rodada.

 

 

:: 250 – soma das baterias
250_sextaetapa_amamx

A primeira corrida da 250 ficou marcada pela disputa entre os irmãos Jeremy Martin e Alex Martin. RJ Hampshire largou na frente, mas perdeu a liderança na segunda volta por causa de um tombo. Alex Martin assumiu a dianteira e liderou até o fim para vencer pela primeira vez em sua carreira, mas teve que segurar os fortes ataques do irmão e atual campeão da categoria, que também esteve muito perto da vitória, mas sua moto apagou na última volta, deixando a vitória mais tranquila para Alex. Outro detalhe desta bateria é que Marvin Musquin e Adam Cianciarulo caíram juntos no início da prova e tiveram que fazer corrida de recuperação.

A chuva forte chegou durante a segunda bateria. Cianciarulo fez o holeshot, mas perdeu a liderança para Marvin Musquin na quinta volta. Mesmo com o péssimo resultado da primeira bateria, Musquin ganhou a etapa no critério de desempate (melhor resultado na segunda bateria) com Alex Martin.

 

Classificação do campeonato após seis etapas

:: 450
450_class6

 

:: 250
250_class6