Resultados da 4ª etapa do Catarinense de Motocross 2018 em Itapema

Fábio Santos lidera as categorias MX Elite, MX1 e MX2 – Foto: Mau Haas

 

Em um final de semana ensolarado em Itapema, pilotos disputaram a quarta etapa do Catarinense de Motocross 2018, na pista do Itapema Off Road, no último sábado e domingo, 22 e 23.

Após quatro anos sem receber as provas do estadual, a cidade trouxe grandes disputas e emoção ao público presente no evento.

Após a etapa, Fábio Santos é o líder das categorias MX Elite, MX1 e MX2.

O piloto venceu as provas das categorias MX1 e MX Elite disputadas no domingo.

Pela MX2, o vencedor foi Pepê Bueno, tendo como segundo colocado Fábio Santos.

Pepê Bueno venceu a MX2 em Itapema – Foto: Mau Haas

 

Na classificação geral, Santos tem vantagem de 22 pontos sobre Rafael Faria na MX Elite e está 34 pontos na frente de Lucas Dunka na MX2.

Já pela MX1, Santos está empatado com Jean Ramos, 67 pontos cada um.

Pela MX3, Jhonatan Batista venceu e segue líder na categoria com 97 pontos.

Jhonatan Batista venceu a MX3 e em Itapema e segue liderando a classificação da categoria – Foto: Mau Haas

 

Richard Berois ficou com a segunda posição e está 20 pontos atrás de Batista na classificação.

O terceiro colocado foi Erivelto Nicoladelli.

Na MX4, Berois foi o vencedor, seguido de Nicoladelli e Gustavo Visoto, que completaram os três primeiros colocados da prova.

Berois está um ponto à frente de Nicoladelli na classificação geral do campeonato.

Ricardo Agut, Claiton Detoni e Airton Maso compuseram os três primeiros lugares da MX5.

Agut é o atual líder, com 94 pontos.

Na Nacional, três pilotos correram pela categoria e Rafael Faria foi o vencedor, seguido de Cassio Espindola e Emerson Pereira.

Rafael Faria, vencedor da categoria Nacional em Itapema – Foto: Mau Haas

 

Nas Intermediária MX1, Cassio Espindola foi o vencedor e teve como companheiros de pódio Renan Coldbella e Charles Baron.

Na Intermediária MX2, Gabriel Andrigo foi o vencedor, seguido de Bruno Hodecker e Hiago Bon.

Andrigo também foi o vencedor da prova da Júnior, com Henrique Henicka em segundo e Otavio da Silva em terceiro.

Andrigo é líder das categorias Intermediária MX2 e Júnior.

Gabriel Andrigo venceu e lidera as categorias Intermediária MX2 e Júnior – Foto: Mau Haas

 

Pela 65cc, Rafael Becker venceu sua terceira prova no campeonato.

O segundo colocado foi Vitor Borba e Garmichel Giehl terminou na terceira posição. Becker é líder da categoria.

Rafael Becker conquistou sua terceira vitória do ano na 65cc e lidera a categoria – Foto: Mau Haas

 

Na 55cc, Eduardo Mielke também venceu mais uma prova e segue líder da competição.

Joaquim Dias terminou em segundo e Angelo Gonçalves foi o terceiro colocado.

Com mais uma vitória, Eduardo Mielke segue líder na classificação da 55cc – Foto: Mau Haas

 

55cc

1) Eduardo dos Santos Mielke – 9:58.932

2) Joaquim Atanasio Dias – 5.878

3) Angelo Gabriel Gonçalves – 7.043

4) Felipe Martini Tasca – 22.849

5) Zion Berchtold – 52.779

6) Ariel de Freitas Clasen – 1 Volta

 

65cc

1) Rafael Becker – 12:30.383

2) Vitor Hugo Jarosczevski de Borba – 1.065

3) Garmichel Rodrigues Giehl – 1.441

4) Raul Miranda – 42.207

5) Joaquim Atanasio Dias – 1 Volta

6) Joao Gabriel Martins Pereira – 2 Voltas

 

Intermediária MX1

1) Cassio Anacleto Espindola – 14:06.707

2) Renan Coldebella – 19.174

3) Charles Baron – 27.930

4) Pietro Grazik Pimentel – 36.752

5) Osmair Cipriani – 51.228

6) Djohny Luiz de Aquino – 1 Volta

7) Gustavo Visoto – 1 Volta

8) Alexandro Carvalho – 1 Volta

9) Agenor Varela – 1 Volta

10) Rogerio Schmitt – 2 Voltas

11) Alexandre Mores Magarinos – 2 Voltas

 

Intermediária MX2

1) Gabriel Bohrer Andrigo – 14:31.644

2) Bruno Felipe Hodecker – 5.306

3) Hiago Zeferino Bon – 19.824

4) Olivio Gabriel dos Santos – 23.883

5) Murilo Lima França – 27.828

6) Gabriel Gelsleister – 28.617

7) Guilherme Bresolin – 29.177

8) Henrique Henicka – 44.338

9) Joao Pedro Schmitt – 1:02.244

10) Denilson de Souza – 1:18.296

11) 914 – Andre Luiz Dalsasso – 1 Volta

12) Jean Carlos Lourenzetti Junior – 1 Volta

13) Herick Fernandes Reis – 2 Voltas

14) Ivo Petras Kurahashi Konell – 2 Voltas

15) Edu Gustavo Isensee – 2 Voltas

 

Júnior

1) Gabriel Bohrer Andrigo – 12:42.581

2) Henrique Henicka – 10.961

3) Otavio Pedro da Silva – 22.787

4) Guilherme Bresolin – 30.586

5) Ivo Petras Kurahashi Konell – 32.739

6) Vitor Hugo Jarosczevski de Borba – 52.013

7) Herick Fernandes Reis – 1 Volta

8) Eric Michael Tecilla – 1 Volta

9) Joao Pedro Schmitt – 2 Voltas

 

MX Elite

1) Fabio Santos – 21:03.989

2) Lucas Dunka – 26.500

3) Pepê Bueno – 49.085

4) Rafael Faria – 1 Volta

5) Renan Coldebella – 1 Volta

6) Gabriel Andrigo – 1 Volta

7) Thiago Brenner – 2 Voltas

8) Gabriel Gelsleister – 2 Voltas

9) Pietro Grazik Pimentel – 2 Voltas

10) Richard Berois – 2 Voltas

11) Charles Baron – 2 Voltas

12) Cassio Anacleto Espindola – 4 Voltas

13) Olivio Gabriel dos Santos – 4 Voltas

14) Djohny Luiz de Aquino – 7 Voltas

 

MX1

1) Fabio Santos – 22:07.651

2) Pepê Bueno – 9.540

3) Renan Coldebella – 2 Voltas

4) Vanderlei de Souza Junior – 2 Voltas

5) Charles Baron – 2 Voltas

6) Alex Cavalca – 2 Voltas

7) Pietro Grazik Pimentel – 3 Voltas

8) Djohny Luiz de Aquino – 3 Voltas

 

MX2

1) Pepê Bueno – 20:45.873

2) Fabio Santos – 1.819

3) Lucas Dunka – 3.778

4) Rafael Faria – 42.815

5) Vanderlei de Souza Junior – 1 Volta

6) Thiago Brenner – 1 Volta

7) Gabriel Gelsleister – 2 Voltas

8) Murilo Lima França – 2 Voltas

9) Olivio Gabriel dos Santos – 3 Voltas

 

MX3

1) Jhonatan Batista – 16:49.590

2) Richard Berois – 31.999

3) Erivelto Nicoladelli – 42.900

4) Lawrence Tasca – 51.491

5) Alex Cavalca – 51.573

6) Gustavo Visoto – 1:03.442

7) Anisio Clasen – 1 Volta

8) Rogerio Schmitt – 1 Volta

9) Emerson Natalino Maciel Pereira – 1 Volta

 

MX4

1) Richard Berois – 14:20.899

2) Erivelto Nicoladelli – 12.862

3) Gustavo Visoto – 46.968

4) Anisio Clasen – 51.385

5) Fabio de Oliveira – 1:01.663

6) Luciano Luiz Farias – 1:03.538

7) Rogerio Schmitt – 1:07.933

8) Sandro Botelho – 1 Volta

9) Vanderley Batista – 1 Volta

 

MX5

1) Ricardo Kamencic Agut – 14:44.986

2) Claiton Luiz Detoni – 1 Volta

3) Airton Maso – 1 Volta

4) Paulo Roberto Buehring – 2 Voltas

 

Nacional

1) Rafael Faria – 12:31.326

2) Cassio Anacleto Espindola – 15.052

3) Emerson Natalino Maciel Pereira – 1 Volta