Polêmica: Ben Townley critica pistas do Mundial MX e recebe resposta inusitada do presidente da Youthstream

bentownley_mxgp
Townley – Crédito: MXGP

 

O neozelandês Ben Townley, da Suzuki, causou polêmica após vencer a classificatória na segunda etapa do Mundial de Motocross no último sábado, 5, na Tailândia. Na coletiva de imprensa, Townley fez algumas observações negativas sobre a pista – tanto da Tailândia quanto do Catar, que recebeu a abertura do campeonato.

Essas pistas não são boas o suficiente. Vocês vão escutar com honestidade e abertamente de mim, Catar e Taiândia não estão a altura do nosso esporte. Somos o Mundial de Motocross, os melhores pilotos do mundo, e esses caras não podem sentar aqui e dizer honestamente que é uma pista incrível para competir – comentou o piloto.

– Tentei levar um GP para a Nova Zelândia e poderia ter sido esse fim de semana, ou no próximo. Vocês teriam o melhor evento do calendário se fosse na Nova Zelândia! Está aí um choque cultural, mas isso, na minha opinião, não é suficiente para o esporte. Estou feliz que tive a oportunidade de dizer isso hoje. Disseram para não colocarmos o esporte para baixo, mas este é o melhor campeonato do mundo e acho que ele merece coisa melhor – concluiu Townley.

De acordo com o site MX Vice, Giuseppe Luongo, presidente da Youthstream – organizadora do Mundial MX – realizou uma conferência para anunciar que o campeonato vai voltar para a Indonésia e aproveitou para dirigir algumas palavras sobre o comentário de Townley.

– Estou muito desapontado. Essa não é maneira certa de um piloto profissional falar com a imprensa. Eu nunca digo algo quando um piloto termina em 15º, 16º, 18º ou 20º, porque não é rápido. Não posso dizer que é um merda porque não é bom e assim por diante. As pessoas aqui fazem um grande esforço para construir a pista. As condições climáticas são muito difíceis na Tailândia, é muito quente, e os pilotos sabem disso e precisam vir preparados para esse tipo de pista. Se eles querem vencer o campeonato, precisam ser rápidos em todas as pistas. As pessoas trabalharam dia e noite para melhorar a condição da pista e, francamente, está muito melhor do que no ano passado – disse o presidente.

Luongo ainda completou de forma mais clara:

– E sobre dizer que o Catar era uma merda e que essa pista (da Tailândia) também foi uma merda, quando um piloto não é rápido eu não digo que é um merda. Tenho que respeitar o trabalho dele e eles têm que respeitar o trabalho dos organizadores se querem ser profissionais. Estou muito decepcionado e já falei com a Suzuki sobre ele. Se Ben Townley quer mudança na pista, vou dar um emprego à ele para vir e construir uma para nós – concluiu.

 

Confira fotos das pistas

tailândia_mxgp (4)
Tailândia – Crédito: Youthstream

 

tailândia_mxgp (3)
Tailândia – Crédito: Youthstream

 

tailândia_mxgp (2)
Tailândia – Crédito: Youthstream

 

tailândia_mxgp (1)
Tailândia – Crédito: Youthstream

 

catar_mxgp (5)
Catar – Crédito: Youthstream

 

catar_mxgp (4)
Catar – Crédito: Youthstream

 

catar_mxgp (3)
Catar – Crédito: Youthstream

 

catar_mxgp (2)
Catar – Crédito: Youthstream