Pacotão X Games 2015: veja o melhor da competição em Austin, Texas

Pelo segundo ano consecutivo, Austin, no Texas, Estados Unidos, recebeu o X Games, a principal competição de esportes radicais do mundo. O BRMX acompanhou tudo do sofazão de casa e agora traz um resumão em vídeo do que aconteceu entre os dias 4 e 7 de junho.

 

:: Salto em altura – Step Up

Ronnie Renner, dos Estados Unidos, é craque nesta modalidade. Ele saltou 10 metros e 36 centímetros e conquistou sua SÉTIMA medalha de ouro no Step Up do X Games. Confira como ele chegou lá!

 

:: Enduro Cross Feminino

A espanhola Laia Sanz chegou a sua quarta medalha de ouro no X Games com a vitória nesta sexta-feira, 5. Foi ela também que ganhou a edição brasileira do X Games, em 2013, na cidade de Foz do Iguaçu, Paraná.

 

:: Enduro Cross Masculino

Mike Brown, campeão do AMA Motocross na categoria 125cc (atual 250) em 2001, ganhou sua terceira medalha de ouro de X Games ao faturar o Enduro Cross 2015 na sexta-feira. O veterano de 43 anos correu de Husqvarna 350, deixando pra trás Taylor Robert, Cody Webb, Colton Haaker e Geoff Aaron (top 5).

 

:: Speed and Style

Esta é uma das competições mais legais de moto no X Games. Dois pilotos largam numa pista curta, tendo que chegar na frente e fazer manobras de freestyle. Nate Adams, norte-americano, ganhou sua primeira medalha de ouro no X Games deste ano.

 

:: Best Whip (melhor entortada)

Jarryd McNeil, da Austrália, deu a melhor entortada do X Games 2015 e faturou o ouro pela primeira vez na carreira. Pupilo de Travis Pastrana, McNeil já foi campeão australiano de motocross e também participa do Nitro Circus, o show de freestyle (e loucuras) do “patrão” Travis Pastrana.

 

:: Quarter Pipe
Tom Pages, francês de 30 anos, tem no currículo muitas conquistas e invenções. Porém, este ano ele conquistou pela primeira vez o ouro no X Games. Esta categoria, Quarter Pipe, substituiu a antiga Best Trick (melhor manobra).

 

 

Nas bikes

:: BMX Vert

O australiano Vince Byron conquistou sua primeira medalha de ouro no Vertical BMX do X Games, colocando um fim no domínio do norte-americano Jamie Nestwick, que ganhou NOVE medalhas de ouro CONSECUTIVAS nesta modalidade 😉

 

:: BMX Street

Daniel Sandoval, estadunidense da Califórnia, ganhou a medalha de ouro no BMX Street. Esta foi sua primeira medalha de ouro depois de dois bronzes na competição.

 

:: BMX Dirt

A medalha de ouro na pista de terra para BMX foi para o australiano Kyle Baldock, que chegou a terceira conquista da carreira em X Games.

 

:: Melhor do big air

A medalha de ouro no big air para bikes ficou nas mãos de Colton Satterfield (Estados Unidos) pela segunda vez na história. Abaixo você vê os melhores momentos do X Games 2015 na modalidade.

 

 

No skate

:: Vertical

A modalidade mais tradicional do X Games merece um destaque. Abaixo os melhores momentos do skate vertical, que contemplou o canadense Pierre-Luc Gagnon com a medalha de ouro, a quinta da sua carreira.

 

:: Big air

O brasileiro Bob Burnquist, 38 anos, mandou ver e conquistou sua 13ª medalha de ouro na competição, na modalidade Skate Big Air (mega rampa). Ele ainda tem outras sete medalhas de prata e oito de bronze, sendo o maior medalhista da competição. Outro detalhe: Burnquist é um dos três atletas na história a participar de TODOS X Games de verão.

 

:: Brasileiro é prata

O catarinense Pedro Barros ganhou a medalha de prata no Skateboard Park. O ouro foi para o norte-americano Curren Caples.

 

:: Skate park feminino

Alexis Sablone faturou sua terceira medalha de ouro de X Games neste ano. Confira como foi a volta dela. 😉

 

:: Big Air em dupla

Que tal uma competição que mistura BMX e skate? No X Games tem. Bob Burnquist fez dupla com o norte-americano Morgan Wade e ganhou mais um ouro para sua coleção (a 14ª). Veja como foi!

 

Nos carros

Scott Speed, dos Estados Unidos, faturou seu terceiro ouro no Rally Cross do X Games. Foi dele também a vitória em 2013, em Foz do Iguaçu. Confira os melhores momentos da final!

 

 

 

Novidade antiga

Pela primeira vez, o X Games contou com a disputa da modalidade Flat Track. A prova – patrocinada pela Harley Davidson – consiste em uma corrida com potentes motos que podem chegar a 200 Km/h, todas sem freio dianteiro. É uma das competições de moto mais antigas do planeta. O ouro da prova inaugural foi para as mãos de Bryan Smith.

 

 

Música

O X Games 2015 foi louco também fora das pistas. Metallica tocou para os fãs na noite de sábado. Veja uma palhinha!