Nova equipe reunirá Machito, Badiali, Muguinho e Tatá. Conheça a Star Racing Geração PlayStation

Yamaha
asw30anos_mauhaas-61
Muguinho, Tatá, Persio e Machito – Crédito: Mau Haas / BRMX

 

Surge neste início de 2016 uma nova equipe no Brasil. Com nome inspirado na turma de Cooper Webb e Jeremy Martin, a Star Racing Geração PlayStation será o time dos venezuelanos Carlos Badiali e Humberto “Machito” Martin, na MX1, e dos paulistas Renato “Muguinho” Paz e Tatá Pelegrino, na MX2. O chefe de equipe será Renato Paz, o Mugão, ex-piloto e pai do jovem Muguinho.

A ideia surgiu no ano passado dentro da “família Mugão”. Machito é o idealizador do projeto. Ele conta que alguns patrocinadores – PlayStation, Grupo Geração, Borilli Racing, Yamaha, Fly Racing (SportsCo ainda entra com óculos 100% e joelheiras Pod) e Circuit – já estão acertados, e por isso viu que o projeto iria decolar.

– Conseguimos uma boa parceria com a PlayStation, que já era patrocinadora do Tatá, e o Grupo Geração, que já estava com o Muguinho e o Badiali. Depois entraram Borilli e a Fly, que foi um esforço bastante grande do Persio. Ainda estamos em negociação com outras empresas, mas já podemos dizer que o projeto deu certo. Estou muito feliz porque a gente conseguiu se unir e ajudar uns aos outros, formando um time para participar dos principais campeonatos brasileiros – diz Machito.

O time vai cumprir as agendas do Brasileiro de Motocross, Arena Cross Brasil, Copa Minas Gerais de Motocross, Superliga Brasil MX e Copa Brasil MX.

– Temos a oficina montada, três furgões e estamos pensando em ter um motorhome para servir de base nas corridas. O Cuchi (Jose Manuel Gutierrez), que é um mecânico muito bom e experiente, também está conosco. E o Mugão tem toda experiência, sabe fazer as coisas certas, exige muito de nós nos treinos, irá comandar tudo. Eu vejo esse projeto a longo prazo. Quero que esta equipe dure muitos anos – completa Machito.

A primeira aparição do time foi no domingo, 31, em Mogi das Cruzes, durante a festa da ASW. Muguinho, Machito e Tatá foram para a pista. Badiali está na Venezuela e volta em breve ao Brasil.

 

asw30anos_mauhaas-80
Muguinho com seu novo numeral – Crédito: Mau Haas / BRMX

 

asw30anos_mauhaas-63
A turma reunida

 

asw30anos_mauhaas-81
Tatá Pelegrino – Crédito: Mau Haas / BRMX

 

asw30anos_mauhaas-85
Machito – Crédito: Mau Haas / BRMX

 

asw30anos_mauhaas-89

 

Formação

MX1
Humberto Martin
Carlos Badiali

MX2
Renato “Muguinho” Paz
Tatá Pelegrino

 

Yamaha