Mundial de Motocross: Romain Febvre deixará a Yamaha após o fim da temporada 2019

Romain Febvre

 

Sem dar um motivo concreto, a Monster Energy Yamaha anunciou nesta sexta-feira, 9 de agosto, que o piloto francês Romain Febvre vai deixar a equipe após o fim da temporada 2019 do Mundial de Motocross.

O campeão da categoria MXGP em 2015 passou cinco temporadas com a equipe, acumulando 12 vitórias gerais em GPs neste período, além de 50 pódios e 27 vitórias em baterias.

Febvre sofreu uma fratura no tornozelo na segunda bateria do GP de abertura da temporada 2019, na Argentina, lesão que o manteve fora do campeonato por quatro rodadas. Ele retornou no GP de Portugal, onde terminou em 8º na geral.

Febvre faturou a soma geral da 14ª rodada, o GP da República Tcheca, vencendo as duas baterias. Até aqui foram cinco pódios e quatro vitórias na temporada 2019. Ele é o 8º colocado na classificação da MXGP.

O campeonato volta no dia 18 de agosto, com o GP da Itália, em Ímola.