Mariana Balbi conquista nono lugar na última etapa do Mundial de Motocross Feminino. Fontanesi é campeã por cinco pontos

maribalbi_loket
Mari Balbi antes da largada em Loket – Foto: Youthstream

 

O Mundial de Motocross Feminino 2014 encerrou neste domingo, 27, em Loket, na República Tcheca, após a realização de seis etapas. A italiana Chiara Fontanesi, da Yamaha, ganhou uma bateria e ficou em terceiro na outra, garantindo assim o título com apenas cinco pontos de vantagem sobre a australiana Meghan Rutledge, da Kawasaki, que fez 2-2 neste fim de semana.

A brasileira Mariana Balbi participou das provas e conquistou a nona colocação na classificação final, fazendo 12º e 6º nas baterias. Correndo de Honda (a equipe que ofereceu suporte para a mineira utiliza moto Honda), Mari caiu na largada da primeira bateria e por isso teve que fazer uma corrida de recuperação.

Com os resultados, a brasileira, que participou de duas etapas este ano, terminou o Mundial com 57 pontos, na 17ª colocação. Os resultados abriram portas, e Mari pode vir a disputar todo campeonato em 2015.

.
:: Melhores momentos da 1ª bateria

.
:: Melhores momentos da 2ª bateria

.

Resultado

1. Livia Lancelot (França – Kawasaki) – 3-1
2. Chiara Fontanesi (Itália – Yamaha) – 1-3
3. Meghan Rutledge (Austrália – Kawasaki) – 2-2
4. Stephanie Laier (Alemanha – Suzuki) – 4-4
5. Nancy Van de Ven – (Holanda – Yamaha) – 5-5
9. Mariana Balbi (Brasil – Honda) – 12-6

 

Classificação final do campeonato

1. Chiara Fontanesi (ITA, YAM), 255 pontos
2. Meghan Kat Rutledge (AUS, KAW), 250 p.
3. Livia Lancelot (FRA, KAW), 232 p.
4. Stephanie Laier (GER, SUZ), 212 p.
5. Nancy Van De Ven (NED, YAM), 182 p.
6. Larissa Papenmeier (GER, SUZ), 172 p.
7. Natalie Kane (IRL, KTM), 151 p.
8. Anne Borchers (GER, SUZ), 145 p.
9. Marianne Veenstra (NED, HUS), 127 p.
10. Francesca Nocera (ITA, SUZ), 115 p.