Ken De Dycker supera Cairoli e vence segunda etapa do Motocross Internacional da Itália

O belga Ken De Dycker mostrou velocidade sobre o chão duro de Malagrotta e venceu a segunda rodada do Motocross Internacional da Itália, que aconteceu neste domingo, 10, na região de Roma.

Antonio Cairoli ficou em segundo após liderar quase toda corrida da categoria MX1, e agora os pilotos da Red Bull KTM devem disputar entre si o título da competição no próximo fim de semana, em Arco di Trento, quando acontece a terceira e derradeira etapa da competição.

Com os resultados exatamente inversos a primeira etapa, na Sardenha, Cairoli e De Dycker dividem a liderança da MX1 com 220 pontos. Evgeny Brobryshev, da equipe oficial Honda, aparece em terceiro com 60 pontos a menos.

– Consegui o holeshot (na bateria da MX1) e comecei a abrir vantagem sobre os demais. Mas uma pedra danificou meu freio e eu enfrentei problemas durante duas voltas. Ken (De Dycker) me passou, então meu freio voltou ao normal e eu consegui me recuperar. Terminamos quase juntos – disse Cairoli sobre a corrida deste domingo.

O campeão mundial ainda ganhou a corrida da categoria Elite, que mistura pilotos das classes MX1 e MX2, mas é considerada “menos importante” no circuito. Outros grandes pilotos participaram da corrida, como David Philippaerts, Steven Frossard, Shaun Simpson e Joel Roelants.

Na classe MX2, Christophe Charlier venceu a prova deste domingo. Mais uma vez, Jeffrey Herlings foi a ausência mais sentida.

:: Resultados

MX1
1) Ken De Dycker (Bélgica – KTM)
2) Antonio Cairoli (Itália – KTM)
3) Evgeny Bobryshev (Rússia – Honda)
4) David Philippaerts (Itália – Gariboldi Honda)
5) Steven Frossard (França – Yamaha)

Elite (MX1/MX2)
1)  Antonio Cairoli (Itália – KTM)
2) Steven Frossard (França – Yamaha)
3) Evgeny Bobryshev (Rússia – Honda)
4) Ken De Dycker (Bélgica – KTM)
5) Shaun Simpson (Grã Bretanha – TM)

MX2
1) Christophe Charlier (França – Yamaha)
2) Stefan Kjer Olsen (Dinamarca – Honda)
3) Giacomo Del Segato (Itália – KTM)
4) Samuele Bernardini (Itália – TM)
5) Stefano Pezzuto (Itália – Suzuki)

:: Classificação

MX1
1) Ken De Dycker – 220 pontos
2) Antonio Cairoli – 220
3) Evgeny Bobryshev – 160
4) David Philippaerts – 130
5) Steven Frossard – 115

Elite (MX1/MX2)
1) Antonio Cairoli – 240
2) Steven Frossard – 180
3) Ken De Dycker – 165
4) Evgeny Bobryshev – 140
5) Joel Roelants – 115  

MX2
1) Chrisophe Charlier – 220 pontos
2) Harri Kullas – 148
3) Stefan Kjer Olsen – 140
4) Samuele Bernardi – 115
5) Alexander Tonkov – 115