Glen Helen recebe a grande final do Mundial de Motocross neste domingo, 11

glenhelen_mxgp
Largada em Glen Helen – Crédito: Youthstream

 

A grande final do Mundial de Motocross 2016 acontece em uma das pistas mais famosas do mundo. Glen Helen, na Califórnia, Estados Unidos, será o palco do evento neste fim de semana, 10 e 11 de setembro.

A primeira vez que a pista recebeu o campeonato foi em 1990. O evento continuou em 1991 e 1992, mas só voltou a receber em 2010 e desde então virou tradição.

Apesar dos campeões de 2016 estarem definidos desde a rodada anterior, quando Tim Gajser ficou com o título da MXGP e Jeffrey Herlings com o da MX2, os fãs do motocross sempre ficam ansiosos pelas corridas em Glen Helen.

Os americanos Eli Tomac (vencedor da principal categoria no USGP da semana passada) e Cooper Webb (vencedor da MX2) estarão no gate da MXGP. Webb confirmou que vai correr de 450cc para se preparar tanto para o Motocross das Nações, quanto para a próxima temporada. Austin Forkner e Jeremy Martin (que faz sua estreia oficial da GEICO Honda no fim de semana), Thomas Covington e Justin Hill estarão representando os americanos na MX2.

Em 2015, nesta pista, a vitória da MXGP ficou com o francês Romain Febvre e na MX2 com Jessy Nelson.


 

:: Como assistir

É possível assistir o Mundial de Motocross de duas maneiras. A Bandsports – canal de TV por assinatura – transmite para o Brasil em VT às 23h30 de domingo, e você também pode ver ao vivo pela internet. A transmissão oficial do evento, em HD, custa 7,99 Euros (cerca de 35 Reais) – clique aqui para ver.

 

:: Programação (horário de Brasília)

Domingo
16h15 – MX2 / 1ª bateria
17h15 – MXGP / 1ª bateria
19h10 – MX2 / 2ª bateria
20h10 – MXGP / 2ª bateria

 

:: Veja como é a região na Califórnia