Expectativa dos pilotos Yamaha para a 2ª etapa do Brasileiro de Motocross 2019 – Morrinhos

 

Campano em busca do hexa – Foto: Idário Café

 

O Brasileiro de Motocross  chega a Morrinhos, Goiás, neste fim de semana dos dias 18 e 19 para a realização da segunda etapa.

Depois das chuvas que causaram o cancelamento da primeira rodada, os pilotos e o público estão ansiosos pela abertura efetiva da competição.

As corridas principais, no domingo, terão transmissão ao vivo no canal do YouTube da Yamaha Racing BrasilClique e se inscreva!

Confira abaixo as expectativas dos pilotos da equipe Yamaha Monster Energy Geração.

 

Campano busca atingir recorde

O pentacampeão Carlos Campano, vencedor da categoria principal (MX1) em cinco das sete vezes que disputou (2012, 2014, 2015, 2017, 2018), está focado no hexa.

Se alcançar o objetivo, o embaixador da Nova Lander se iguala a Pedro Bernardo Raymundo, o Moronguinho, que nas décadas de 1970 e 1980 se tornou o maior vencedor da categoria principal do motocross brasileiro com seis conquistas (1976, 1979, 1980, 1981, 1982, 1985).

 

Paulo Alberto recuperado

Paulo Alberto se recuperou da lesão sofrida na mão esquerda no início da pré-temporada.

O cancelamento da primeira etapa do Brasileiro, no mês passado, deu mais tempo para o português se recuperar.

Apesar de ainda lhe faltar ritmo de prova e melhor preparo com a moto, se sente confiante e sem dores para esta batalha.

 

Fabinho quer o tri na MX2

Fabio Santos é o atual campeão da categoria MX2 com sua YZ 250F. E tudo que ele quer é vencer o campeonato pela terceira vez.

O paulista de 22 anos sabe que é o favorito na classe, mas também está consciente que precisa confirmar as expectativas para comemorar no fim da temporada.

 

Tallys Nathan recuperado

Tallys Nathan, a “Fúria do Nordeste”, está de volta após início de temporada com fratura no braço esquerdo.

Ele já voltou a treinar e fará sua estreia efetiva na MX2, já que é bicampeão da MX2-Junior e agora subiu de categoria.

 

EXPECTATIVAS DA EQUIPE

 

Carlos Campano #1

Categoria MX1
Moto YZ 450F

– Estamos ansiosos por começar o Brasileiro. O ano tem sido bom para mim. Competi bastante no campeonato espanhol e o pior resultado até aqui foi o segundo lugar, cheguei a liderar o campeonato até faltar a uma etapa que coincidiu com a abertura do Brasileiro há um mês. Quanto a Morrinhos, sempre me dei bem lá, então a expectativa é a melhor possível. Vamos tentar começar o ano no Brasil com o pé direito.

 

Paulo Alberto #211

Categoria MX1
Moto YZ 450F

– Estou melhor da lesão da mão, já consigo treinar sem dor, mas ainda tenho que recuperar o ritmo e tudo mais. A expectativa é boa, bem melhor do que na primeira etapa quando a lesão ainda doía muito. Quero somar o maior número de pontos possíveis e, se possível, vencer.

 

 

Fabio Santos #1

Categoria MX2
Moto YZ250F

– Não vejo a hora do campeonato brasileiro começar. Já são cinco meses de preparação. Estou me sentindo muito bem e disposto a sair de Morrinhos no lugar mais alto do pódio. Acredito que tenho tudo o que é preciso para vencer. Espero fazer boas largadas e manter o bom ritmo até o a bandeirada final.

 

 

Tallys Nathan #183

Categoria MX2
Moto YZ 250F

– Estou com uma boa expectativa, apesar de fazer apenas uma semana que voltei a andar de moto por causa da fratura no braço. Vou da meu máximo para conseguir o melhor resultado para minha equipe. Sei que não estou no meu 100%, mas vou pra cima e vamos com tudo.

 

Programação completa

Local: Motódromo Municipal Setor Darcy Chaves – Morrinhos (GO)
Entrada gratuita

Sexta-feira – 17/5
13h30 – Bate-papo com alunos e ação ambiental na Escola Municipal Celestino Filho, em Morrinhos

Treinos Livres
14h às 14h15 – Intermediária 2
14h20 às 14h35 – MX4 / MX5
14h40 às 14h55 – Intermediária 1
15h às 15h20 – MXJR
15h25 às 15h40 – Nacional 250 A / Nacional 230 B
15h45 às 16h – 50cc
16h05 às 16h20 – MX3
16h25 às 16h40 – MXF
16h45 às 17h – 65cc

Sábado – 18/5
Treinos Livres
8h às 8h30 – MX2 / MX2JR
8h35 às 9h05 – MX1

Treinos Classificatórios
9h10 às 9h22 – Intermediária 2 – treino de largada
9h30 às 9h45 – MX4 / MX5 – treino de largada
9h50 às 10h02 – Intermediária 1 – treino de largada
10h10 às 10h30 – MXJR
10h35 às 10h47 – Nacional 240 A / Nacional 230 B – treino de largada
10h55 às 11h10 – 50cc – treino de largada
11h15 às 11h35 – MX3
11h40 às 11h55 – MXF
12h às 12h15 – 65cc
13h15 às 13h45 – MX2 / MX2 JR
13h50 às 14h20 – MX1

Provas Oficiais
14h50 – Intermediária 2 – 15 min + 2 voltas
15h20 – MX4 / MX5 – 15 min + 2 voltas
15h50 – Intermediária 1 – 15 min + 2 voltas
16h20 – Nacional 250 A / Nacional 230 B – 15 min + 2 voltas
16h50 – 50cc – 15 min + 2 voltas
17h20 – Pódio classes: MX4, MX5, Inter. 1, Inter. 2, Nac. 250 A, Nac. 230 B, 50cc

Domingo – 19/5
Warm-Up
8h às 8h15 – MX3 – treino de largada
8h20 às 8h35 – MX2 / MX2JR – treino de largada
8h40 às 9h – MX1 – treino de largada
9h05 às 9h20 – 65cc – treino de largada
9h25 às 9h40 – MXF – treino de largada
9h45 às 10h – MXJR – treino de largada

Provas Oficiais
10h20 – MX3 – 20 min. + 2 voltas
10h55 – 65cc – 15 min. + 2 voltas
11h40 – Pódio classes MX3 e 65cc
12h20 – MX2 / MX2 JR – 30 min. + 2 voltas
13h20 – MX1 – 30 min. + 2 voltas
14h10 – MXJR – 20 min. + 2 voltas
14h50 – MXF – 15 min. + 2 voltas
15h15 – Pódio das classes MX2 JR, MX JR e MXF
15h45 – Elite MX, MX1 e MX2 – 30 min. + 2 voltas
16h30 – Pódio das classes Elite MX, MX1 e MX2