Eduardo Saçaki, o Japonês Voador, volta às pistas neste fim de semana

sacaki_mauhaas
Saçaki em 2012, no Arena Cross – Fotógrafo: Mau Haas / BRMX

 

Quem viveu o motocross brasileiro nos anos 1980 e 1990 jamais esquecerá as performances de Eduardo Saçaki, o Japonês Voador. Agora, quem sente saudade dele nas pistas, poderá vê-lo na etapa final do Paulista de Supermoto, em Limeira, São Paulo, neste fim de semana dos dias 5 e 6.

Campeão brasileiro de motocross da principal categoria em 1988 e 1989, Saçaki fez fama também pelo estilo de pilotagem arrojado. Depois de se aposentar do esporte em 2005 por causa de um acidente grave, fez pequenos retornos às pistas, tanto no Brasileiro de Motocross (2011) quanto no Arena Cross Brasil (2012).

– Nunca andei de motard, mas vou para fazer esta experiência. Vou graças a ajuda de muitos amigos. Ganhei tudo: a moto de um fã da década de 1980, as peças da Red Dragon, o macacão da Tutto Moto, o capacete da Bieffe, as botas da IMS, os pneus da Equipe Piquet Sports através do Rafael Fonseca, entre outros. Vou no intuito de acertar a moto com a equipe do filho do Nelson Piquet, o Lazlo. Foi quem montou a moto que tenho. Vou acertar e, quem sabe, alinhar no gate. O intuito é participar, sem pretensão alguma por resultado. Vou para brincar e me divertir – disse Saçaki, 47 anos de idade, em entrevista ao BRMX.

 

valadares_chumbinho_sacaki_mauhaas
Valadares, Chumbinho e Saçaki, lendas da década de 1990 – Fotógrafo: Mau Haas / BRMX

 

sacaki_182_eltonsouza
Saçaki em 2012 – Fotógrafo: Elton Souza / BRMX

 

sacaki_cassiogarcia_mauhaas
Saçaki e Cassio Garcia, em 2013 – Fotógrafo: Mau Haas / BRMX

 

Como está o Paulista de Supermoto?

Rafael Fonseca é o líder da categoria principal (SM1), com Kleber Justino a 34 pontos do líder. Na SM2, o líder é Wilson Guimarães, e o vice-líder é Francisco Fox, a 33 pontos do líder. Na SM3, categoria de menor custo da modalidade e uma das mais baratas do motociclismo, Gustavo Ramos está na frente, com Eduardo Venzol a sete pontos da liderança do campeonato.

Na SM3 Pro, Alex Pavaneli é o líder com maior vantagem sobre os adversários, 50 pontos à frente de Ruan Burdino. Na SM4, categoria dos pilotos veteranos e que deve ter a participação de Saçaki, o líder é Danilo Araujo, com 42 pontos de vantagem sobre Jeferson Valezin. Fernando Jimenez lidera a SM Light 450, que não percorre o trecho de terra, com Jeferson Valezin na segunda posição a apenas seis pontos do líder. Juninho Trudes garantiu o título da categoria Speed Pro por antecipação.