Depois de 30 anos servindo de casa para diversos pilotos, Pista do Ipê, em Joinville, é destruída

Yamaha
ipe_joinville_chumbinho
Chumbinho recebeu a notícia de surpresa – Crédito: Moto Clube Joinville

 

A principal pista de motocross de Joinville, Santa Catarina, foi destruída na segunda-feira, 31 de agosto. A Pista do Ipê, como é conhecida, estava localizada às margens da BR 101 e servia de base para treinamentos de diversos pilotos de todo litoral catarinense, e até mesmo de atletas de Curitiba, Paraná, como Jean Ramos.

– Joinville fica a uma hora de Curitiba e às vezes eu treinava no Ipê. Era uma pista boa, veloz e técnica, com um terreno que mantém a umidade o ano inteiro – comenta Jean, surpreso ao saber através da reportagem do BRMX que o motódromo tinha acabado.

O terreno úmido e consistente foi um dos motivos que fizeram Milton “Chumbinho” Becker, o maior detentor de títulos nacionais, escolher Joinville para viver e treinar em 1993.

– 21 dos 22 títulos de expressão que conquistei foram treinando na Pista do Ipê. Fico triste porque perdemos uma grande pista, algo ideal para treinar. Até hoje não vi um terreno tão bom como este. Podia ficar um mês sem chover que não tinha poeira – conta Chumbinho.

O local também era ponto de encontro para pilotos amadores. Existe inclusive um grupo de amigos pilotos chamado “Turma do Ipê”, e era lá que Chumbinho treinava crianças na sua escola de pilotagem.

A empresa responsável pelas obras de terraplanagem informou que o terreno pertence a um grupo de empresários que irá construir galpões industriais no local. Por se tratar de um terreno particular, os pilotos nada puderam fazer senão aceitar o fim da pista construída em 1981.

Detalhe é que esta é a única pista de motocross nestes moldes em Joinville. A outra, na Estrada do Timbé, nem sempre está aberta. O presidente do Moto Clube de Joinville, César Augusto de Paulo, disse ao jornal A Notícia que pretende pedir na Câmara de Vereadores e Prefeitura de Joinville uma área para construção de novo circuito.

 

ipe_joinville_terra
Terraplanagem foi feita na segunda-feira, 31 de setembro

 

Yamaha