Dakar 2016: Honda domina terceira etapa e espanhol Joan Barreda (quase) assume a liderança geral

barreda_honda_dakar2016
Barreda reagiu – Crédito: Dakar 2016

 

* Texto atualizado às 10h desta quarta-feira, 6

O dia foi de comemoração para os pilotos Honda na terceira etapa do Rally Dakar 2016. O espanhol Joan Barreda, da Team HRC, levou o primeiro lugar na especial realizada nesta terça-feira, 5, entre Termas de Río Hondo e Jujuy, na Argentina, enquanto Kevin Benavides, que estreia este ano na prova, faturou a segunda colocação pela HSA Rally Team, e Paulo Gonçalves, companheiro de Barreda, chegou em terceiro completando a trinca vermelha na ponta.

Barreda, porém, foi penalizado no fim do dia por excesso de velocidade em uma zona controlada por radar e caiu para a quinta colocação, perdendo também a liderança geral da competição que havia conquistado com a vitória do dia. Assim, a liderança passou para as mãos do eslovaco da Red Bull KTM, Stefan Svitko, que fez o quarto lugar nesta terça-feira.

Mais uma vez por causa das fortes chuvas na região, o trecho de especial teve que ser diminuído. Foram apenas 200 Km cronometrados ao invés dos 314 Km previstos anteriormente. O australiano Toby Price, da Red Bull KTM, vencedor da segunda etapa, se perdeu no início da especial, teve problemas, e terminou apenas em 37º, caindo para décimo na classificação geral. O português Ruben Faria, da Rockstar Energy Husqvarna, teve problemas com combustível a 18 Km do fim da especial desta terça-feira e por isso ficou com a 22ª colocação.

O brasileiro Jean Azevedo, também da HSA Rally Team, mostrou boa recuperação e levou o 45º lugar, recuperando oito posições no ranking geral. O paulista de São José dos Campos havia ficado em 132º após uma queda na especial de segunda-feira, 4.

– Hoje (terça) foi um bom dia. Ontem (segunda) abri a prova e estava um pouco mais difícil. Desta vez, larguei em sétimo e aproveitei as oportunidades ao longo do percurso. Mantive o foco e acelerei para estar sempre com o primeiro grupo. Houve pouca navegação e agora espero as fases mais difíceis – comenta Joan Barreda, vencedor do dia e vice-campeão do Rally Dakar em 2015.

Uma das revelações da competição, Kevin Benavides conquistou a segunda posição nesta terceira etapa e acredita que as condições foram favoráveis.

– A especial de hoje (terça) foi realmente boa para mim. Sinto-me bem com a moto e também com a navegação. Quanto à chuva, eu gostei. Havia mais rochas e montanhas e isso me deixou feliz. Vou continuar mantendo o ritmo a cada dia – comemora o piloto argentino de 28 anos, estreante na 38ª edição da prova.

Único brasileiro nas motos, Jean Azevedo mostrou toda a sua experiência e fez uma boa recuperação nesta terça-feira. O piloto ficou em 132º na última etapa após cair e ter que reduzir o ritmo para poder completar a prova, já que o tanque de combustível ficou danificado. No entanto, o dia de hoje foi de superação. Ele acelerou forte e conquistou o 45º lugar na especial entre Termas de Río Hondo e Jujuy e recuperou oito posições na classificação geral.

 

JEANazevedo_hondadakar_dakar2016
Foto irada da queda de Jean Azevedo nesta segunda-feira, no Rally Dakar. Repare no escape e no combustível voando e em Jean com a cabeça no chão. Graças a Deus Jean está bem e segue no Dakar 2016!

 

Quarta etapa

Nesta quarta-feira, 6, os pilotos disputam a quarta etapa do Rally Dakar 2016, que terá largada e chegada e Jujuy, na Argentina, e primeiro dia da etapa maratona. O percurso tem 629 quilômetros, com 429 de trechos cronometrados.

 

:: Resultado da terceira etapa do Dakar 2016
:: Termas de Río Hondo – Jujuy | Terça-feira, 5

1º – Kevin Benavides (HSA Rally Team) | 2h31min03s
2º – Paulo Gonçalves (Team HRC) | +26s
3º – Antoine Meo (KTM) | +27s
4º – Stefan Svitko (KTM) | +31s
5º – Joan Barreda (Team HRC) | +34s

45º – Jean Azevedo (HSA Rally Team) | +11min03s

 

:: Classificação geral das motos no Dakar 2016

1º – Stefan Svitko (KTM) | 6h27min04s
2º – Kevin Benavides (HSA Rally Team) | +34s
3º – Joan Barreda (Team HRC) | +46s
4º – Paulo Gonçalves (Team HRC) | +54s
5º – Alain Duclos (Sherco) | +56s

124º – Jean Azevedo (HSA Rally Team) | +2h35min08s