Completando 10 anos, Yamaha Monster Energy Geração quer mais títulos no motocross brasileiro

 

Pelo décimo ano consecutivo, a Yamaha Monster Energy Geração é a representante da Yamaha Racing Brasil no motocross brasileiro. E, com a temporada prestes a começar, a meta é uma só: repetir as conquistas dos anos anteriores, quando foi a principal protagonista do motocross brasileiro ao vencer 6 dos 9 campeonatos disputados na MX1.

O time segue com o mesmo elenco de 2020. Paulo Alberto, que faturou todos os campeonatos que disputou no ano passado, chega em 2021 com a missão de defender os títulos do Brasileiro de Motocross e do Arena Cross.

A disputa interna será acirrada mais uma vez, já que Carlos Campano segue em busca do Hexacampeonato. O pentacampeão brasileiro é o maior nome do esporte no Brasil desde quando desembarcou em terras tupiniquins, em 2011, e se diz em plena forma física aos 35 anos para brigar de igual para igual com os mais jovens.

A juventude da equipe na principal categoria está representada por Fábio Santos, que vai para seu segundo ano na MX1 livre das lesões e pronto para entrar nesta briga.

A Yamaha Monster Energy Geração também mantém Tallys Nathan e Pepê Bueno na categoria MX2, ambos dedicados a trazer o título de volta para a equipe – Fábio Santos já conquistou a MX2 pelo time por três vezes.

A experiente Maiara Basso, vice-campeã em 2020, segue na categoria MXF para trazer de volta a taça. E Vitor Hugo Borba defende as cores da Yamaha na categoria MX2JR.

A Yamaha Monster Energy Geração tem patrocínio da Monster Energy, Grupo Geração, IMS Race Wear, Yamalube, Yamaha Consórcio, Polisport, Júpiter Baterias, Pirelli, Durag, Moto Style Graphics, Vedamotors, GET, DID, Foco Racing, Diafrag e CMB.