Com lesão nas costas, Dungey está fora da briga pelo título do AMA Motocross 2016

145863_Ryan_Dungey_KTM_450_SX-F_Thunder_Valley_2016
Dungey deve ficar seis semanas afastado – Fotógrafo: Simon Cudby

 

Por causa de uma queda na segunda bateria da 3ª etapa do AMA MX 2016, em Lakewood, Colorado, Ryan Dungey ficará fora de combate por aproximadamente seis semanas. O piloto da Red Bull KTM teve uma lesão nas costas diagnosticada nesta terça-feira, 7. Já era noite aqui no Brasil quando equipe e piloto anunciaram uma fissura na vértebra C6.

– É muito difícil dar esta notícia desanimadora. É muito dolorido, especialmente pelo trabalho duro que toda equipe e eu colocamos para defender o título da 450. Mas estou muito agradecido porque a lesão poderia ser pior. Usarei este tempo ausente das corridas para me recuperar plenamente, e tenho certeza que isso só me fará mais forte ainda. Obrigado a todos pela torcida e compreensão – disse Dungey.

“The Diesel” é um piloto de poucas lesões. Se puxarmos a ficha, vamos a 2012 para encontrar um período em que ele ficou fora de mais de uma rodada por causa de lesão. Na época, Dungey sofreu com um problema no ombro e ficou fora de cinco etapas do AMA SX. E desde que subiu para a 450, em 2010, Dungey jamais terminou o AMA MX com um resultado abaixo do 3º posto na tabela.

O campeonato perde muito com a ausência dele. Ou não?

 

Reveja os melhores lances da bateria