Britânicos dominam areias de Lommel, na Bélgica, e vencem 14ª etapa do Mundial de Motocross 2015

Yamaha

Shaun Simpson e Max Anstie mostraram que quem nasce em solo britânico sabe andar na areia. Os pilotos da Terra da Rainha venceram todas as baterias realizadas neste domingo, 2, válidas pela 14ª etapa do Mundial de Motocross 2015. Fora da disputa pelo título, ambos brigam por um lugar em equipes de fábrica para a próxima temporada, e estes resultados serão importantes no momento da negociação.

O líder do campeonato, Romain Febvre, terminou o GP na terceira colocação com 3-3 nas baterias. Outro francês, Gautier Paulin, fechou o GP da Bélgica em segundo, com 2-2 nas baterias para se consolidar na vice-liderança da categoria. Agora são 84 pontos entre os dois atletas, e o terceiro da tabela é o russo Evgeny Bobryshev, 124 pontos atrás do líder.

>>> Confira a classificação do campeonato

Vale lembrar que a lista de postulantes ao título lesionados é grande. Antonio Cairoli, Ryan Villopoto, Max Nagl e Clement Desalle estão fora de combate e já deram adeus à chance de conquistar o campeonato.

 

MX2 alucinante

AnstieSat_MXGP_14_B_2015
Max Anstie chegou a seis vitórias em baterias – Foto: MXGP

 

O letão Pauls Jonass, da Red Bull KTM, assumiu a liderança do campeonato com duplo segundo lugar na MX2 em Lommel. Na sua cola, quatro pontos atrás, está o esloveno Tim Gajser, da Honda Gariboldi. O suíço Valentin Guillod, da Yamaha Standing Construct, teve mal desempenho nesta etapa e se distanciou do título, ficando 25 pontos atrás do líder.

Restam quatro etapas para o fim do Mundial 2015, e a disputa na MX2 promete ser acirrada até a última volta. A próxima etapa (que previamente seria no Brasil) será na Itália, em Mantova, em outra pista de areia.

 

Melhores momentos

 

Resultados da 14ª etapa do Mundial MX 2015

MXGP
mxgp_lommel2015_gpbelgica

 

MX2
mx2_lommel_gp2015

 

 

Classificação após 14 etapas

MXGP
mxgp_14etapas_mundialmx

 

MX2
mx2_class_14etapas_mundialmx

 

Em breve, os vídeos da rodada

Yamaha