Brasileiro de Motocross 2012 chega a terceira etapa, em Foz do Iguaçu, Paraná

Céu nublado e clima ameno dão o tom da terceira etapa do Brasileiro de Motocross que acontece em Foz do Iguaçu, Paraná, neste sábado e domingo, 2 e 3 de junho.

Na manhã deste sábado, os pilotos fizeram treinos livres e conversaram com o BRMX para falar de suas expectativas sobre a terceira rodada.

À tarde rolam mais treinos e duas baterias, uma da MX3 e outra da 65cc. Milton “Chumbinho” Becker lidera a categoria dos veteranos, enquanto Leonardo Cassarotti lidera a turma dos pequenos. Veja a programação completa mais abaixo.

– Ainda não estou totalmente recuperado, e há risco de nova lesão. Meu objetivo neste fim de semana é tentar fazer o maior número de pontos, mas vejo que será um pouco difícil manter a liderança – comentou Carlos Campano, piloto Yamaha Grupo Geração Monster Energy, líder da MX1.

– Posso considerar que esta é a etapa em que estou melhor preparado. Vim para Foz buscar a melhor posição, quem sabe duas vitórias nas baterias e o primeiro lugar geral. O campeonato tem o Campano na liderança absoluta e só ele pode estar tranquilo. Os pilotos que vêm na sequência estão todos buscando diminuir essa vantagem – disse Balbi Junior, equipe Pro Tork 2B Kawasaki Racing, sexto colocado na classificação da MX1.

– Acredito que minha participação nas duas baterias do GP Brasil, com toda aquela chuva, pode me ajudar neste fim de semana em Foz, caso a previsão de chuva se concretize neste fim de semana – emendou Balbi.

– Estou 100%, muito bem e feliz. A classificação está bem equilibrada do terceiro ao sexto lugar e meu objetivo é somar pontos, pois o campeonato ainda está no começo – comentou Wellington Garcia, da equipe Honda Mobil, terceiro colocado na MX1 e melhor brasileiro da categoria.

– A moto está muito boa, eu estou bem adaptado, e na quinta posição, brigando para alcançar posições mais altas – comentou Jean Ramos, da Escuderia X Motos.

– Espero que não chova, porque não é bom para ninguém, mas estou bem preparado e com muita vontade de correr – disse Marcello “Ratinho” Lima, equipe EMG Racing Kawasaki Rinaldi.

Na MX2, Hector Assunção, da equipe Honda Mobil, é a principal ameaça a liderança de Dudu Lima – EMG Racing Kawasaki Rinaldi –, que nem participou dos treinos livres.

– Dudu está machucado e preferiu não participar do treino livre, por
isso, não sabemos qual a real situação dele. Durante a semana, ele
passou por uma ressonância magnética e indicou que havia um coágulo do
tamanho de um limão na coxa esquerda dele. Sendo bem realista, sabemos
que é difícil ele manter a liderança da MX2 – avaliou Gui Lima, pai e chefe de equipe da EMG Racing.

– A classificação está bem apertada e o campeonato está só no começo. Vim para fazer o maior número de pontos e tentar ultrapassar o Dudu na liderança do campeonato – comenta Hector Assunção.

– Estou 30 pontos atrás do líder, tive um pouco de azar em na primeira bateria em Canelinha, mas me sinto em uma boa fase – resume Anderson Amaral, da Amaral Racing, que vem crescendo bastante nas últimas corridas.

Programação

Sábado – 02/06

Treinos Livres
08:30 a 08:50 – MX3
09:05 a 09:25 – 65cc
09:40 a 10:10hs – MX2
10:25 a 10:45hs – 85cc
11:00 a 11:30hs – MX1

Treinos cronometrados
12:40 a 13:00 – MX3
13:10 a 13:30 – 65cc
13:40 a 14:10 – MX2
14:20 a 14:40 – 85cc
14:50 a 15:20 – MX1

Provas
15:50 MX3 20 minutos + 02 voltas +  Premiação
16:30 65cc 15 minutos + 02 voltas + Premiação

Domingo – 03/06

Warm-up
09:00 MX 2 15 minutos
09:30 85cc 15 minutos
10:00 MX 1 15 minutos

11:00 Cerimonial de abertura

Provas
12h – MX 2 – 1ª Bateria 30 minutos + 02 voltas
13h – MX 1 – 1ª Bateria 30 minutos + 02 voltas
14h – 85cc – 20 minutos + 02 voltas + Premiação 
15h – MX 2 – 2ª Bateria  30 minutos + 02 voltas + Premiação
16h – MX 1 – 2ª Bateria 30 minutos + 02 voltas + Premiação