Bombadinho vence segundo dia de Enduro da Independência 2015

bombadinho_leotavares_corrosivofilmes
Bombadinho – Crédito: Leo Tavares / Corrosivo Filmes

 

Depois de conseguir a 13ª colocação no primeiro dia, o paranaense Emerson “Bombadinho” Loth (ProTork) deu a volta por cima e venceu o segundo dia de provas do Enduro da Independência, maior prova de Regularidade do mundo, que acontece na região metropolitana de Belo Horizonte. Com o resultado, o paranaense subiu para a sexta colocação na classificação, tem 57 pontos e está a 27 do líder, o capixaba Jomar Grecco (Orange BH KTM).

– Foi uma boa prova, gostosa de fazer, mas está difícil de buscar o resultado geral, então meu foco agora é o brasileiro, daqui a duas semanas. Quero apenas diverti e não me machucar – disse Bombadinho.

O segundo colocado do dia foi o jovem de BH, Ronald Santi (Honda Motofield) e em terceiro chegou Mário Vignate (Pneus Borilli), de Santo Antônio do Monte, Minas Gerais. O líder Jomar Grecco chegou na quarta colocação e atingiu 84 pontos, na busca pelo bicampeonato.

– Amanhã tudo pode acontecer, por isso temos que ter cautela, focar na concentração para terminar bem e, quem sabe, levar a Taça novamente para o Espírito Santo – afirmou Grecco.

Com 68 pontos, o mineiro de Belo Horizonte, Lucas Nunes (Fast Brothers) está em segundo lugar na classificação geral, seguido do seu companheiro de equipe Gianino Coscarelli (Fast Brothers).

– Pela manhã, foi uma prova bem tranquila, com uma média baixa, então qualquer detalhe poderia definir. Como o nível está alto, não se pode errar. Eu tive alguns erros. Na parte da tarde já foi uma prova mais puxada, mais a cara do Independência – disse Nunes, que chegou em oitavo na etapa de hoje.

A competição deste domingo começou com frio, neblina e lama, mas ao longo do dia, o sol voltou a aparecer e nas trilhas da região da cidade histórica de Sabará, os pilotos chegaram a enfrentar mais poeira. Foram 164 km de muitas aventuras pelas épicas trilhas de Minas Gerais. O trecho incluiu a famosa trilha da Galopeira, conhecida pelo alto grau de dificuldade para pilotos e suas máquinas. Nesta segunda-feira, 7, acontece o último dia de competição. A prova se encerra com 130 km de trilhas no Cinturão das Serras da região de Belo Vale e o Topo do Mundo.

 

jomargrecco_corrosivofilmes_leotavares
Jomar Grecco segue líder – Crédito: Leo Tavares / Corrosivo Filmes

Outras atrações

Neste domingo também foi realizada o primeiro dia da categoria Adventure, para mototuristas com motos big trail. Não é uma competição, mas uma forma de lazer, que mescla asfalto e terra em um percurso de 300km. A categoria foi criada para oferecer uma oportunidade aos mototuristas de conhecer mais sobre o Enduro de Regularidade, aliando turismo e gastronomia. Na segunda-feira, 7, junto com o encerramento do Independência, as motos dessa categoria completam o roteiro.

Também foi realizada a segunda etapa da Copa EnduroBiker, em parceria com o Trial Clube de Minas Gerais (TCMG), o grande vencedor foi o foi o ex-piloto de Enduro Gabriel Antonoff, natural de Belo Horizonte, que venceu os dois dias, 5 e 6, na categoria Elite (principal) e a dupla de Curvelo (MG) Bruno Ribas e Cássio Oliveira, que venceram a Pró Dupla e a Classificação Geral, pois perderam menos pontos entre os mais de 50 participantes.

Na oitava etapa do Circuito Mineiro de Trekking, a categoria elite foi vencida pela equipe Sabara.net, seguida pela Saps Trekking e em terceiro a RJ Trekking Team. A prova de enduro se resume em realizar um percurso pré-determinado pela organização, superando obstáculos naturais e percorrendo estradas, trilhas, riachos, montanhas, etc, com o tempo mais próximo possível do ideal estabelecido.

E também a quarta etapa do Brasileiro de Trial. Valter Fernandes foi o vencedor. Nessa modalidade o piloto deve controlar sua moto de maneira a transpor os obstáculos mais diversos, em terrenos muito acidentados, sem cair ou apoiar o pé no chão.

O Enduro da Independência 2015 tem os patrocínios de Honda, ASW, Cervejaria Backer, Motostreet, Mobil, Orange BH, Plena Alimentos e apoio da RS Motos, Motofield, Triumph BH, Beta Ferramentas, Microcity, Fiat, Strada Jeep, Moto World, Rinaldi Pneus, Edgers e CorrosivoFilmes.

 

:: Os 10 primeiros da categoria Máster – EI – 2º dia

1. Emerson Loth Bombadinho (Scherco) 38 pontos
2. Ronald Santi (Honda) 37 pontos
3. Mario Vignate G.da Silva (KTM) 35 pontos
4. Jomar Grecco (KTM) 34 pontos
5. Bruno Ribeiro Crivilim (KTM) 31 pontos
6. Gian Gianino Coscarelli (TM) 28 pontos
7. Dario Julio (Honda) 27 pontos
8. Lucas Nunes (KTM) 24 pontos
9. Michel Luiz Cechet (Honda) 24 pontos
10. Erasmo Carlos Klering 22 pontos

 

:: Classificação geral após duas etapas

1. Jomar Grecco (KTM) 84 pontos
2. Lucas Nunes (KTM) 68 pontos
3. Gian Gianino Coscarelli (TM) 64
4. Michel Luiz Cechet (Honda) 62 pontos
5. Bruno Ribeiro Crivilim (KTM) 61 pontos