Search

Luis Oliveira vira o jogo e vence a quarta etapa do Brasileiro de Enduro FIM 2017

Quarta etapa do Brasileiro de Enduro FIM 2017

Luis Oliveira na quarta etapa do Brasileiro de Enduro FIM 2017 – Crédito: Douglas Ramos

Luis Oliveira virou o jogo na última volta e venceu a quarta etapa do Brasileiro de Enduro FIM 2017, a qual terminou neste domingo, 11, em Aracruz, Espírito Santo. Líder, o português imprimiu forte ritmo e contou com a sorte, já que o piloto da casa Bruno Crivilin, que venceu as disputas deste sábado, 10, e estava na frente, mas teve problemas mecânicos no Cross Teste.

– Fiz a minha parte e conquistei um resultado muito importante para o campeonato – comentou o europeu da equipe Honda Racing.

Pelo quinto ano consecutivo no calendário do Brasileiro, a etapa de Aracruz valeu como rodada dupla e foi um sucesso. O público compareceu em peso e o trajeto de 37 quilômetros testou pilotos e máquinas em três especiais (trechos cronometrados). Os competidores cumpriram três voltas por dia no percurso e o ponto mais difícil foi o Extreme Teste, realizado em trilhas de chão duro repletas de pedras e subidas íngremes.

– Foi um fim de semana difícil, mas não abaixei a cabeça em nenhum momento. A prova teve especiais bem marcadas e bons deslocamentos. Fiz uma ótima prova, pena que tive problemas que não dependeram de mim, é algo que acontece no esporte. – continuou Oliveira. Impulsionado pela torcida local, Crivilin foi grande destaque.

O Brasileiro de Enduro FIM 2017 é patrocinado por Rinaldi e conta com o apoio de MRPRO Braces, ASW, Sacramento Motorsports, Orange BH, Zanol Parts e Edgers.

 

Bruno Crivilin também foi destaque na etapa – Crédito: Douglas Ramos

 

Resultados – 4ª etapa

Enduro GP
1 – Luís Oliveira
2 – Rômulo Bottrel
3 – Ian Blythe
4 – Vinícius Calafati
5 – Júlio Ferreira

E1
1 – Luís Oliveira
2 – Ian Blythe
3 – Patrik Capila

E2
1 – Júlio Ferreira
2 – Diego Colett
3 – Bruno Crivilin

E3
1 – Rômulo Bottrel
2 – Gustavo Pellin
3 – Nicolas Rodriguez

EJúnior
1 – Vinícius Calafati
2 – Vinícius Luis Lopes da Silva
3 – Gabriel Soares

E4
1 – Tiago Wernersbach
2 – Jaime Zorzal
3 – Flavio Volpi

E35
1 – Nielsen Bueno
2 – Diogo Andrade
3 – Oriel Casagrande Neto

E40
1 – Jomar Grecco
2 – Jober Zambaldi
3 – Cassiano Tebaldi

E45
1 – Sandro Hoffmann
2 – Pélmio Simões
3 – Laurindo Zatorski Filho

E50
1 – Levi Tesch
2 – Francisco Felner
3 – Luiz Alberto Croce

EAmador
1 – Willian Palandi
2 – Elder Zucolloto
3 – Augusto Benvenutti

 

Classificação do campeonato

Enduro GP
1 – Luís Oliveira – 191
2 – Rômulo Bottrel – 132
3 – Júlio Ferreira – 132
4 – Bruno Crivilin – 132
5 – Gustavo Pellin – 107

E1
1 – Luís Oliveira – 200
2 – Loandro Anton – 152
3 – Patrik Capila – 117

E2
1 – Júlio Ferreira – 176
2 – Diego Colett – 160
3 – Bruno Crivilin – 141

E3
1 – Rômulo Bottrel – 183
2 – Gustavo Pellin – 183
3 – Rigor Rico – 122

EJúnior
1 – Vinícius Luis Lopes da Silva – 177
2 – Gabriel Soares – 170
3 – Willian Dalmonech – 148

E4
1 – Tiago Wernersbach – 191
2 – Jaime Zorzal – 173
3 – Guilherme Borges – 56

E35
1 – Nielsen Bueno – 195
2 – Diogo Andrade – 140
3 – Anderson Vieira – 113

E40
1 – Cassiano Tebaldi – 182
2 – Luciano de Lima – 128
3 – Jomar Grecco – 50

E45
1 – Pélmio Simões – 180
2 – Marcos Benvenutti – 150
3 – Júlio Cesar Lemos – 137

E50
1 – Roberto Theodoro – 124
2 – Luiz Carlos de Barros – 82
3 – Cleber Sacramento – 50

EAmador
1 – Willian Palandi – 200
2 – Augusto Benvenutti – 86
3 – Roberto Theodoro – 54