Por trás da máquina: Juan Torres volta aos EUA, ativa novos planos e vira colunista do BRMX

juantorres_mauhaas_trindade

Juan Torres concentrado no GP Brasil de Motocross 2014, em Trindade, Goiás – Foto: Mau Haas / BRMX

 

Juan Torres reinaugura o “BRMX Por Trás da Máquina” para falar de seus planos futuros. Nascido na Venezuela, este caraquenho de 36 anos já trabalhou no Brasil em três temporadas – 2010, 2011 e 2014 -, períodos que foi mecânico de Humberto “Machito” Martin, Roberto Castro, Balbi Junior, Mariana Balbi e Jetro Salazar.

Carismático, amigo, sorridente e trabalhador, “Juanito” conquistou a amizade de muitos. Além disso, carrega em sua caixa de ferramentas uma grande bagagem no motocross, seja ele praticado na Venezuela, no Brasil ou nos Estados Unidos. Desde muito jovem, frequenta campeonatos amadores e profissionais na Terra do Obama. Foi lá que se especializou em mecânica, carreira que começou aos 20 anos de idade, e é lá que vive agora.

>>> Por trás da máquina com Prika Becker
>>> Por trás da máquina com Max Balbi
>>> Por trás da máquina com Maninho Leite

Depois de chegar perto do título brasileiro com Jetro Salazar em 2014, Juan voltou aos Estados Unidos para iniciar uma nova empreitada em 2015. Abriu uma oficina na região de Miami, Flórida, junto com o goiano Janio Rezende para atender locais e brasileiros em busca de experiência “na gringa”.

– A oficina tem estrutura para atender todos os tipos de moto, mas o foco principal são as motos de motocross, enduro e rally. Além da oficina, estou oferecendo suporte para os pilotos brasileiros e venezuelanos que querem vir aos Estados Unidos para treinar ou para participar dos campeonatos. Temos pista próximo da oficina e conhecemos a rotina de todos os campeonatos. Como fazer inscrição, o que precisa alugar, o que deve comprar, enfim, tudo que alguém precisar para disputar um campeonato aqui nos EUA, eu posso ajudar – explica Juan.

Mas se engana quem pensa que Juan está querendo ficar longe do Brasil. Aproveitando toda experiência e conhecimento adquiridos em cursos nas fábricas da KTM, Yamaha, Race Tech, WP, entre outras, o venezuelano segue atento ao mercado nacional, e planeja ministrar cursos a mecânicos que trabalham com os pilotos brasileiros.

– A intenção é viajar ao Brasil em breve para dar cursos a mecânicos brasileiros. Quero passar um pouco de como as coisas funcionam aqui nos EUA, onde temos a melhor organização, o melhor jeito de trabalhar. Posso mostrar como devem ser, não apenas na parte técnica do mecânico, mas também na parte de relacionamentos, de envolvimento com a equipe, de gestão no dia a dia. Podemos evoluir isso no Brasil, um país que hoje tem um campeão do mundo correndo – complementa.

 

Modo colunista, ativar!

juantorres_mauhaas

Juan Tores manda Jetro Salazar fazer cinco voltas “quentes” – Foto: Mau Haas / BRMX

 

A partir desta semana, Juan Luis Torres é também colunista do BRMX. Juanito vive o dia a dia dos Estados Unidos, está próximo das competições amadoras e tem informações privilegiadas para passar aos fãs do esporte. Vai escrever periodicamente para nos manter informados! Se você tem alguma dúvida pertinente sobre o AMA Supercross, sobre os campeonatos amadores ou sobre mecânica, mande um e-mail para juanluistorresc78@gmail.com.

A coluna de estreia chega em breve! Aguarde!

 

juantorres_supermoto22

Juan atacando de piloto de supermoto, em 2012 – Foto: Arquivo Pessoal