Paulo Alberto vence bateria atrasada da segunda etapa e desconta diferença para Thales Vilardi em Paty do Alferes

pauloalberto_mauhaas
Paulo Alberto dominou a prova – Foto: Mau Haas / BRMX

 

 *NOTA DA REDAÇÃO: a conexão de internet (não) fornecida pela organização do evento em Paty do Alferes impediu que o BRMX fosse atualizado durante o dia neste sábado. Apenas depois das 16h45, a internet começou a funcionar na sala de imprensa (e só funcionou até as 19h15).

 

A segunda bateria da segunda etapa do Brasileiro de Motocross 2014, que estava atrasada, aconteceu neste sábado, 20, em Paty do Alferes, Rio de Janeiro. A prova foi vencida por Paulo Alberto e colocou o campeonato da MX2 “em dia” após mais de dois meses de atraso. A corrida teve apenas dez pilotos no gate, já que apenas os que estavam inscritos em Pedra Bonita, Minas Gerais (onde a prova deveria ter acontecido originalmente), puderam competir.

Anderson Amaral largou na frente, seguido de Paulo Alberto, Hector Assunção, Anderson Cidade e Thales Vilardi. O português assumiu a liderança ainda na primeira volta, enquanto Amaral perdeu também posições para Hector e Cidade.

Thales conseguiu a ultrapassagem em Amaral um pouco mais tarde, iniciando assim sua busca a Cidade, Assunção e Paulo. Mas o líder do campeonato caiu sozinho em uma curva e se afastou dos ponteiros. Perdeu posição para Amaral na queda, mas recuperou logo em seguida, ainda na mesma volta.

>>> Classificação do campeonato atualizada

Na metade da prova, estava estabelecida a sequência com Paulo Alberto, Hector Assunção, Anderson Cidade e Thales Vilardi, até que Thales conseguiu a ultrapassagem sobre Cidade, depois de uma boa disputa, para assegurar a terceira posição, enquanto Assunção fez alguns ataques sem sucesso sobre Paulo Alberto.

No fim, a Honda entrou com recurso contra Thales Vilardi alegando que um membro da equipe Yamaha estava fora do pitlane passando instruções ao piloto, o que é proibido pelo regulamento do campeonato (Artigo 13). Assim, Vilardi foi penalizado em 30 segundos e caiu para a sexta colocação da segunda bateria.

Com isso, Paulo Alberto diminuiu de 14 para 4 pontos a diferença no campeonato em relação a Thales Vilardi, que segue líder. Neste domingo, 21, acontecem as duas baterias da sexta rodada da competição, em Paty do Alferes.

– Consegui tirar alguns pontos em relação ao Thales e agora quero vencer mais baterias para assumir a liderança. Não estou 100% do meu ombro (esquerdo), mas agora vou ter que aguentar e dar meu melhor até o fim – disse Paulo Alberto, que também comentou a sua desclassificação na bateria de Limeira, há uma semana.

– Fiquei muito brabo com a situação. Acho que não precisávamos entrar nestes parâmetros. Mas a decisão está na mão de Deus. Eles fizeram isso, estão no direito, mas agora eu tenho que correr atrás do prejuízo e tentar me vingar (risos) – finalizou.

 

:: Resultado da segunda bateria da segunda etapa do campeonato, realizada neste sábado, 20, em Paty do Alferes

1. Paulo Alberto
2. Hector Assunção
3. Anderson Cidade
4. Gustavo Pessoa
5. Anderson Amaral
6. Thales Vilardi
7. Leonardo Souza
8. Enzo Lopes
9. Leandro Araújo
10. Bryan Soares

 

:: Soma das baterias – segunda etapa BRMX 2014

1. Paulo Alberto (Honda) – 2-1
2. Hector Assunção (Honda) – 3-2
3. Thales Vilardi (Yamaha) – 1-6
4. Anderson Cidade (Yamaha) – 5-3
5. Gustavo Pessoa (Honda) – 9-4

 

largadamx2_paty_mauhaas paulo_hector_mauhaas cidade_thales_mauhaas

 

Programação para domingo, 21

Warm-up
9h – Júnior
9h25 – MX2
9h50 – MX1

Provas
10h40 – Júnior – 20min + 2 voltas
12h – MX2 / 1ª Bateria – 30min + 2 voltas
12h40 – MX1 / 1ª Bateria – 30min + 2 voltas

14h – MX2 / 2ª Bateria – 30min + 2 voltas
15h – MX1 / 2ª Bateria – 30min + 2 voltas