MXGP Argentina terá cobertura in loco do BRMX. Acompanhe!

pista_argentina
Pista de La Angustura tem solo arenoso – Foto: Fabian Arriagada

 

Iniciamos na quinta-feira, 19, uma das jornadas mais longas e ESTRADEIRAS do BRMX. Já são cinco anos girando o Brasil para cobrir os melhores eventos de motocross e rally do país. Também já estivemos na França, na Bélgica e nos Estados Unidos para buscar informações sobre MX das Nações, mas jamais rodamos tanto de CARRO para ver uma corrida.

Neste momento – enquanto escrevo estas linhas um tanto apressado pois ainda temos alguns ajustes a fazer no carro antes de seguir viagem -, estamos em Itapiranga, Santa Catarina, na beira do Rio Uruguai sofrendo com o calor de 30 graus e NADA de vento. Já percorremos 730 quilômetros e ainda temos 2,8 mil Km pela frente até chegar em Villa La Angostura, cidade na Patagônia Argentina, onde acontecem as corridas da terceira etapa do Mundial de Motocross 2015 nos dias 28 e 29. Serão quase 3,5 mil quilômetros no total (e depois ainda temos que voltar!).

Registraremos os melhores momentos e compartilharemos com vocês no Facebook e no Instagram, além de postagens aqui no site, claro. Chegando lá, faremos o possível para mostrar tudo o que acontecerá no GP da Argentina, principalmente as questões que envolvem Villopoto e Cairoli, as maiores estrelas do campeonato – tem uma promoção rolando sobre isso, inclusive, e você pode participar acessando este link!

Entendemos que este momento é histórico e vamos tentar aproximar o Mundial 2015 dos fãs brasileiros, que ficaram órfãos do evento justamente no ano em que os dois maiores pilotos da atualidade estão medindo forças. Acreditamos que Cairoli e Villopoto estão neste momento da história como Stefan Everts e Ricky Carmichael estiveram na década passada. Não podíamos perder essa!

 

O roteiro

Abaixo você confere o mapa da nossa rota. Estamos em quatro no carro – eu (Mau Haas) e Christine Wesendonk (minha esposa e companheira de trabalho) e meus pais, Erni e Ivânia Haas.

rotadeviagem_argentina

 

 

Notícias prévias

105814_Searle_MXGP_2015_R02_RX_4818_1024

Alguns pilotos estão fora desta rodada do Mundial de Motocross. Casos dos britânicos Tommy Searle, Mel Pocock, Jake Nicholls e Max Anstie (todos lesionados), do francês Jordi Tixier (suspenso pela Youthstream por conta de “má conduta” no GP da Tailândia, quando discutiu com um médico da prova), e do norte-americano Paul Coates (lesionado).

 

 

Horários do evento

Não há diferença de fuso horário de Villa La Angostura para Brasília. Então, fica fácil para os brasileiros acompanharem as provas. Segue a programação!

Villopoto_GP02_SL_051932_001

 

Sexta
10h – vistorias nas motos
15h – vistoria na pista

Sábado
8h30 – briefing com os pilotos
10h15 – treino livre MX2
10h45 – treino livre MXGP
12h50 – gravação de câmera onboard para mostrar a pista
14h – treino classificatório MX2
14h35 – treino classificatório MXGP

16h10 – corrida classificatória MX2
17h – corrida classificatória MXGP

 

Domingo
9h15 – warm-up (aquecimento) MX2
9h40 – warm-up (aquecimento) MXGP

13h10 – corrida MX2 / 1ª bateria
14h10 – corrida MXGP / 1ª bateria

16h10 – corrida MX2 / 2ª bateria
17h10 – corrida MXGP / 2ª bateria

 

 

Transmissão ao vivo

Há duas maneiras práticas de acompanhar as corridas do Mundial de Motocross. Pela internet – neste link – pagando pela transmissão oficial, ou pelo canal de TV por assinatura Bandsports – acesse aqui a programação da emissora.

 

Classificação

mxgp2desalle38

 

Após duas rodadas, o belga Clement Desalle (Foto – Suzuki) lidera o campeonato. O italiano Antonio Cairoli (KTM) é vice-líder e o alemão Max Nagl (Husqvarna), vencedor da primeira etapa, é o terceiro colocado. O norte-americano Ryan Villopoto (Kawasaki) ocupa a quarta colocação.

>>> Acesse a classificação atualizada!

 

 

mx2_argentina
Pista – Foto: Fabian Arriagada