Search

Kawasaki anuncia a volta de Steven Frossard e Dean Ferris sobe de categoria na Yamaha para o Mundial de Motocross 2014

Gautier Paulin, Thierry Chizat Suzzoni (chefe de equipe) e Steven Frossard – Foto: Kawasaki

O mercado do motocross segue agitado, principalmente nas equipes do Mundial de Motocross.

Nesta quarta-feira, 11, a equipe de fábrica da Kawasaki anunciou a contratação do francês Steven Frossard para fazer dupla com Gautier Paulin na temporada 2014 da MXGP.

Frossard, 26 anos, volta à Kawasaki depois de passar três temporadas de altos e baixos na Yamaha – teve um vice-campeonato na MX1 em 2011. Os anos de 2007, 2008, 2009 e 2010, ele corria de Kawasaki na MX2.

– Não foi muito fácil tomar esta decisão, apesar de que sempre tive uma boa relação com o time que me formou. Mas nas duas últimas temporadas eu sofri muito com lesões e tinha que achar um novo impulso para minha carreira. Comecei minha carreira na Kawasaki e também já andei de 450, então conheço a moto. Também conheço muitos membros da Kawasaki. O primeiro objetivo é me recuperar fisicamente, depois trabalhar muito forte neste inverno para estar preparado para as corridas do próximo ano – disse Frossard na nota oficial da KRT (Kawasaki Racing Team).

Um dia antes, na terça-feira, 10, a Yamaha anunciou que seu piloto da MX2, Dean Ferris, vai subir para a categoria MXGP. O contrato com o australiano de 23 anos foi renovado para a temporada 2014. No mesmo anúncio, a Yamaha confirmou a contratação do inglês Max Anstie, 20 anos, ex-Suzuki, para a categoria MX2.

– Acho que me dou melhor de 450F e sempre quis correr os GPs na MX1. Mal posso esperar para começar os treinos para o próximo ano – disse Ferris, que ainda corre de 250 no MX das Nações deste ano.

Para que você fique por dentro de todas estas negociações, confira abaixo o guia que o BRMX preparou, mostrando a equipe do “passado” e a do “futuro” dos pilotos.

:: Mercado do motocross

Tyla Rattray (África do Sul)
Passado: saiu da Pro Circuit Kawasaki, dos Estados Unidos
Futuro: vai correr o Mundial de MX pela Husqvarna de fábrica – Mundial MX
Categoria: MXGP (antiga MX1)

Todd Waters (Austrália)
Passado: saiu da KTM da Austrália
Futuro: vai correr o Mundial de MX pela Husqvarna de fábrica – Mundial MX
Categoria: MXGP (antiga MX1)

Alexander Tonkov (Rússia)
Passado: saiu de uma equipe privada Honda
Futuro: equipe de fábrica da Husqvarna – Mundial de MX
Categoria: MX2

Romain Febvre (França)
Passado: saiu de uma equipe privada KTM
Futuro: equipe de fábrica Husqvarna – Mundial de MX
Categoria: MX2

Glenn Coldenhoff (Holanda)
Passado: equipe privada KTM
Futuro: equipe de fábrica Suzuki – Mundial de MX
Categoria: MX2

Dean Ferris (Austrália)
Passado: corria na MX2 pela Yamaha de fábrica
Futuro: segue na Yamaha de fábrica, mas muda para a MXGP (antiga MX1)
Categoria: MXGP

Steven Frossard (França)
Passado: estava na Yamaha de fábrica
Futuro: vai para a Kawasaki de fábrica. Será companheiro de time de Gautier Paulin
Categoria: MXGP

Max Anstie (Inglaterra)
Passado: corria pela Suzuki de fábrica
Futuro: vai para a Yamaha de fábrica
Categoria: MX2