Jean Ramos pede ajuda financeira aos fãs para correr AMA Supercross 2014

Jean Ramos, 24 anos, quer participar pela terceira vez consecutiva do AMA Supercross. Mas, para isso, precisa de ajuda para custear a sua temporada nos Estados Unidos.

Nesta semana, o piloto lançou o projeto #GoRamos, que pede para fãs, empresas ou simpatizantes contribuírem com dinheiro através do site O Pote – ACESSE AQUI.

As contribuições podem ser em qualquer valor, mas a partir de R$ 30 você ganha brindes – adesivos, camisetas, bonés, pôsteres, camisas autografadas, cursos de motocross e até mesmo espaço na moto e roupas do piloto, como um patrocinador mesmo – CLIQUE AQUI para saber mais sobre as cotas e brindes.

Participe! Ajude! Você tem até o dia 15 de novembro para fazer esta boa ação!

:: Veja o vídeo com Jean explicando o projeto

Relembre
>>> Jean Ramos faz balanço da temporada 2013 no AMA SX
>>> Entrevista: \”Correr o AMA SX é enfrentar o medo\”
>>> Os detalhes de Anaheim 1 em 2013 por Jean Ramos

 

:: Outras informações

Cotas e brindes
R$ 30 = adesivo
R$ 50 = pôster autogrado
R$ 100 = boné #goRamos
R$ 150 = camisa #goRamos
R$ 200 = camisa autografada Jean Ramos
R$ 250 = kit #goRamos
R$ 500 = curso de pilotagem com Jean Ramos
R$ 3.000 = seja um patrocinador \”cota apoio\”
R$ 8.000 = seja um patrocinador \”cota bronze\”

Quem é Jean Ramos?
Natural de Curitiba, Paraná, tem 24 anos e começou a correr motocross aos 4 anos, influenciado pela família. Os irmãos já competiam, até que em uma dessas corridas perto de sua casa, pediu ao pai que deixasse participar. Ele pegou uma moto dos irmãos, rebaixou, e Jean fez sua primeira corrida. É multicampeão paranaense, campeão brasileiro nas categorias MX2 e Júnior, campeão brasileiro de supercross, campeão do Arena Cross e campeão latinoamericano de motocross na categoria MX2.

Sobre a ideia do projeto
\”Correr o AMA Supercross é o sonho de qualquer piloto, é como chegar na F-1 no automobilismo. É o maior e melhor campeonato de supercross do mundo, e eu já participei duas vezes e coloquei o nome do Brasil entre os melhores do mundo! Estou aqui para pedir a sua ajuda, que não só acreditem em mim, mas que façam parte desse sonho e coloquem o nome do Brasil mais uma vez entre os melhores pilotos de supercross do mundo\”.

O que é o AMA (American Motorcyclist Association) Supercross?
\”Não é apenas um evento de moto, é um show a parte! Para quem conhece ou já presenciou na pele sabe do que eu estou falando, os melhores pilotos do mundo, melhores motos, carretas das equipes, festas nos box, lindas mulheres, show de fogos , pistas dos sonhos e o mais importante muita ADRENALINA\”.

Formato do AMA Supercross
São 80 pilotos por categoria (250 e 450). Destes 80 pilotos, os 40 mais rápidos durante os treinos vão para as classificatórias noturnas. Destes 40, se formam dois grupos de 20 pilotos para duas corridas classificatórias. Largam 20 e os nove primeiros se classificam automaticamente para o Main Event (Final). Os outros 11 de cada grupo se encontram na última chance, largando 22 competidores na disputa de duas vagas para a final, que tem 20 pilotos no total.

Jean Ramos e o AMA SX
\”Desde criança eu assistia o AMA Supercros e pensava se um dia eu chegaria lá. Após ser campeão brasileiro de motocross em 2011, eu e minha família sabíamos que era hora de ir realizar esse sonho. Iria disputar o AMA Supercross em 2012. Havíamos feito economias por anos e me encontrava na minha melhor fase.

Olhando pela TV, as coisas parecem muito, mas muito mais fáceis. Quando cheguei para me preparar para o AMA SX, vi que eu tinha entrado numa fria, e o que eu esperava não tinha nada a ver com a realidade!

Por ser muito envergonhado e não falar muito bem a língua inglesa, sofri até aprender onde comprar as coisas que eu queria e as coisas certas. Sofri com o evento por não saber como funcionavam algumas regras, horários e situações, e as pistas eram muito difíceis e cada vez mais técnicas. Mas como um bom brasileiro, não desisti e mostrei todo o meu potencial conquistando vagas em três finais das seis etapas que participei.

Em 2013, com ajuda de patrocinadores e o resto da minha economia, partimos novamente para realizar o meu sonho. As coisas foram bem diferentes, e por saber o que vinha pela frente, foram bem mais fáceis.

Evoluí muito de um ano para o outro. Estava bem mais preparado e os resultados de 2012 me ajudaram. Recebi alguma ajuda e até reconhecimento, apareci em várias transmissões e obtive bons resultados: quatro finais em seis eventos, e terminei o campeonato em 21º sem participar das três últimas rodadas.

Para 2014 meu objetivo é maior ainda: fazer todas as finais e conquistar um top 10. Isso não está fora da realidade e sei que sou capaz de colocar o nome do Brasil entre os melhores.\”

Fato marcante no AMA SX
\”Ano passado, quando eu estava na arquibancada a espera do meu treino, sozinho, analisando o treino do outro grupo, nada menos que a cantora PINK estava a cinco cadeiras do meu lado. Quando eu a vi ,comecei a bater nos bolsos procurando celular, câmera ou qualquer coisa para tirar uma foto, mas infelizmente eu só tinha meu capacete, meu óculos e meu par de luvas.

É normal você encontrar pessoas famosas nesses eventos, como Fergie. Pude ver Tito Ortiz pessoalmente caminhando pelos túneis de Anaheim depois de falar com o locutor.\”

E-mail para o piloto
contatogoramos@hotmail.com

Camisetas da campanha de Jean Ramos – Foto: Divulgação