“Ficarei bem”, diz Jason Anderson após acidente no MX das Nações


Avance até 2min22 de vídeo para ver o acidente

 

Jason Anderson sofreu um susto enorme logo após vencer a segunda bateria do MX das Nações neste domingo, 25. Ao vencer uma batalha com Jeffrey Herlings e a bateria Open+MX2, o norte-americano sentiu o japonês Chihiro Notsuka aterrissar em sua cabeça.

Anderson desmaiou, foi atendido, e não conseguiu voltar para a bateria final (Open+MXGP). Depois da corrida, a Rockstar Energy Husqvarna divulgou a fala do piloto, que comentou:

>>> Veja os resultados do MXoN 2016
>>> Saiba como foi a participação brasileira no MX das Nações 2016

– Estava muito animado em vir para esta corrida representar os Estados Unidos. Depois de fazer o melhor tempo nos treinos livres, tive um pouco de azar na classificatória. Fui atingido por trás na primeira curva e machuquei minha perna. Decidi correr mesmo assim no domingo. E minha corrida foi boa. Larguei em primeiro e comecei a abrir. Na metade, Herlings chegou e tivemos uma boa batalha até ele cair. Depois administrei até o fim. Estava muito entusiasmado em cruzar a linha de chegada, mas logo em seguida senti outra moto caindo em mim. Fizemos todos os exames e vou ficar bem. Mas estou um pouco chateado por não poder ter corrido a última corrida para ajudar os Estados Unidos a vencer – disse Jason Anderson.

A equipe não divulgou mais detalhes das lesões de Anderson, mas a expectativa é que ele esteja recuperado para representar a Husqvarna na Supermotocross Cup, dia 8 de outubro, na Alemanha.


 

 

jason-anderson-2016-motocross-of-nations-maggiora-italy
Jason Anderson venceu a segunda bateria – Fotógrafo: Acevedo JP

 

jason-anderson-2016-motocross-of-nations-maggiora-italy-1
Jason Anderson – Fotógrafo: Acevedo JP

 

Outro ângulo do acidente