Eli Tomac deve desfalcar os EUA no MX das Nações 2017

Eli Tomac seria o principal piloto dos EUA – Foto: AMA MX

 

Eli Tomac comunicou após a corrida de Washougal, no sábado, 29 de julho, que deve ficar fora do MX das Nações 2017. Principal nome do país, ele afirmou que a quantidade excessiva de corridas na temporada o leva a esta decisão.

– Neste momento, acho que não vou. É o calendário. Temos que correr a etapa do Mundial nos EUA (por questão contratual com a Monster Energy), daí duas semanas e então vai para a Inglaterra (MXoN) e poucas semanas depois tem a Monster Cup. Para nós, e para mim, é tipo… estamos competindo desde a primeira semana de janeiro. Agora, provavelmente é não (a resposta para a pergunta se ele iria para o MXoN) – disse Tomac.

Ele era o favorito para liderar o time. Sem ele e sem Jason Anderson – veja mais aqui -, a equipe está indefinida. Apenas o piloto da MX2, Zach Osborne, é uma (quase) certeza.

O mesmo motivo (calendário cheio) já levou Ken Roczen, Ryan Dungey e Ryan Villoporo, num passado recente, a tomarem a mesma decisão. Aliás, desde 2011 os EUA não conquistam o troféu na competição por países. Fez certo Eli Tomac?