Copa Minas MX 2015: Júnior, MX4, 50cc, Nacional e Intermediária têm campeões definidos

4ª Etapa Copa Pro Tork Minas Gerais de Motocross - GP Itabirito
Enzo Lopes dominou a Júnior – Crédito: Jefferson Coelhinho

 

Seis campeões da Copa Pro Tork Minas Gerais de Motocross 2015 foram conhecidos neste sábado, 12, na última etapa da temporada, que acontece na pista do Córrego do Bação, em Itabirito. A piloto Mariana Balbi faturou o título inédito do campeonato. As categorias MX4, Júnior, Intermediária, Nacional e 50cc também têm seus campeões definidos.

Na MXF, a capixaba Marcely Cazadini quebrou os 100% de aproveitamento de Mariana Balbi na temporada ao vencer a etapa. A mineira fez grande largada e abriu distância sobre Cazadini, porém, a motocicleta de Mariana apresentou problemas e o desempenho de seu equipamento diminuiu, deixando a liderança livre para a adversária.

Mesmo com problemas, Mariana administrou a situação e terminou a bateria em segundo. Iris Stefanie foi a terceira colocada, Ana Paula de Souza a quarta e Juliana Alcici fechou o pódio da categoria feminina. A paulista Stefany Serrão, única competidora com chances de tomar o título da adversária, não disputou a prova.

 

Intermediária

Diogo Malheiro faturou o título da categoria intermediária após terminar a corrida em terceiro, administrando a prova em Itabirito. Com 20 pontos de vantagem na tabela de classificação, Malheiro precisava de apenas 6 pontos para levar o título e poderia chegar até em 15º lugar na prova que ainda assim levaria o troféu.

Após uma largada perfeita e abrir vantagem nas primeiras curvas, Malheiro sofreu uma queda, mas se recuperou para permanecer no pódio. Phelipe de Pinho assumiu a liderança da corrida e venceu, seguido por Reginaldo Ribeiro, o vice-campeão. Diogo Malheiro fechou a temporada com 95 pontos e o vice-campeonato ficou com Reginaldo Ribeiro com 77. Philipe de Pinho terminou em terceiro, com 50.

 

MX4

Willian Guimarães, que assumiu a liderança do campeonato da categoria na segunda etapa, em Ibirité, confirmou o favoritismo e faturou o título da MX4. Ele, que foi o mais rápido dos treinos classificatórios, disputava o título com mais três pilotos, Vagner Lachi, Hudson Olegário e Walter Tardin.

Guimarães tomou a liderança da prova ainda no holeshot, não deu chances para Tardin se aproximar durante a corrida e venceu a etapa final da Copa. Os dois primeiros terminaram a corrida com boa vantagem sobre os adversários. No campeonato, Guimarães ficou com 97 pontos, Tardin e Olegário ficaram empatados com 71, mas Tardin, com dois segundos lugares na temporada, levou a melhor nos critérios de desempate.

 

Júnior

Enzo Lopes dominou de ponta a ponta a prova da MX Júnior e não deu nenhuma chance aos adversários. Numa tocada agressiva e abusando das entortadas, o piloto gaúcho garantiu o título da MX Júnior, vencendo com ampla vantagem sobre os rivais, quase 30 segundos à frente do segundo colocado.

As disputas pelas demais posições foram intensas. João Victor Cintra, José Brayan e Frederico Spagnol brigaram pela segunda colocação da prova. Brayan terminou a disputa em segundo, seguido por Spagnol e Cintra. Leonardo de Almeida completou o pódio da Júnior, com a quinta colocação.

 

50cc

O título da categoria foi um dos mais disputados da etapa. Gustavo Abrahão e Bruno Ferreira estavam separados por apenas cinco pontos na disputa do campeonato da 50cc. Nos treinos classificatórios, Abrahão terminou na dianteira por uma diferença mínima sobre Felipe de Menezes, 0.082s. Adversário direto de Abrahão, Ferreira fez o quarto tempo na sessão.

Na corrida, o goiano Felipe de Menezes liderou de ponta a ponta, deixando que os rivais pelo caneco lutassem pelo título na pista. Bruno Ferreira terminou em segundo, mas não conseguiu retirar os pontos necessários para tirar o título de Gustavo Abrahão, que finalizou a prova em terceiro e o campeonato com 92 pontos, três a mais que Bruno Ferreira. Bernardo Eto foi o quarto e Gustavo Rodrigues o quinto na etapa.

 

Nacional

Para Ismael Rojas e Gabriel Montagner só a vitória em Itabirito interessava na luta pelo título da Nacional. Rojas venceu a prova da categoria e conquistou o campeonato. Anderson Amaral fez o holeshot e liderou por sete voltas. Porém, pressionado por Rojas, perdeu a liderança da etapa e terminou na segunda colocação.
Gabriel Montagner, que vinha em terceiro em busca dos líderes, caiu na oitava volta e se distanciou da briga pelo campeonato. O piloto caiu para o sétimo lugar na corrida, mas, mesmo com a moto um pouco danificada pela queda, terminou a bateria na quarta colocação, atrás de José Ronaldo, o terceiro. Maicon Rosa fechou o pódio na quinta posição.

Neste domingo, 13, entram na pista os pilotos das categorias Superfinal, MX1, MX2, MX3, 85cc e 65cc. Os treinos começam às 8h e as corridas às 13h30.

>>> Assista ao vivo!

.

Resultados

MXF
1. Marcely Cazadini
2. Mariana Balbi
3. Iris Stafanie Vieira
4. Ana Paula de Souza
5. Juliana Alcici

MX4
1. Willian Guimarães
2. Walter Tardin
3. Hudson Olegário
4. Evaristo Lemos
5. Sandro Ignacchi

Júnior
1. Enzo Lopes
2. José Bryan Soares
3. Frederico Spagnol
4. João Victor Cintra
5. Leonardo de Almeida

Intermediária
1. Philipe de Pinho
2. Reginaldo Ribeiro
3. Diogo Malheiro
4. Rodinaldo Lemos
5. Danilo Veltroni

Nacional
1. Ismael Rojas
2. Gustavo Amaral
3. José Ronaldo
4. Gabriel Montagner
5. Maicon Rosa

50cc
1. Felipe de Menezes
2. Bruno Ferreira
3. Gustavo Abrahão
4. Bernardo Eto
5. Gustavo Rodrigues

 

Classificação final do campeonato

Intermediária
1. Diogo Malheiro / 95 pontos
2. Reginaldo Ribeiro / 77
3. Philipe de Pinho Ferreira / 50
4. Diego Clayton dos Reis / 43
5. Thiago Farias / 39

MXF
1. Mariana Balbi / 97 pontos
2. Stefany Serrao / 66
3. Marcely Cazadini / 63
4. Lays Cazadini / 54
5. Iris Stefanie Vieira / 48

MX4
1. Willian Guimarães / 97 pontos
2. Walter Tardin / 71
3. Hudson Olegário / 71
4. Vagner Lachi / 56
5. Dario de Oliveira Jr. / 50

50cc
1. Gustavo Abrahao / 92 pontos
2. Bruno Ferreira / 89
3. Gustavo Rodrigues / 76
4. Gustavo Lima / 60
5. Guilherme Lima / 58

Nacional
1. Ismael Rojas / 97 pontos
2. Gabriel Montagner / 87
3. Bruno Vinícius / 63
4. Leonardo Lima / 51
5. Maicon Rosa / 49

Júnior
1. Enzo Lopes / 95 pontos
2. Frederico Spagnol / 76
3. Pedro Bueno / 62
4. João Victor Cintra / 48
5. Gabriel Lucas / 46