Campeões da Copa São Paulo de Motocross 2016 são definidos em Bragança

disputa-acirrada-em-familia%2c-dudu-e-ratinho

Disputa acirrada entre os irmãos Lima – Fotógrafo: Luis Bueno

 

Bragança Paulista recebeu no último fim de semana, 10 e 11 de dezembro, a final da Copa São Paulo de Motocross 2016. A pista MX Track foi o palco da definição de todos os títulos dos campeões da temporada. A prova recebeu grandes nomes do motocross paulista e nacional, como os irmãos Dudu e Ratinho Lima, Caio Lopes, Renato Paz “Muguinho”, Matheus Emilio, Felipe Ferreira, entre outros.

Na pista, o grande destaque mais uma vez foi para Dudu Lima, da equipe EMG Kawasaki Pirelli, que venceu as principais categorias para motos importadas, MX 2 e MX Open, conquistando o título de campeão nas duas classes.

Já nas categorias para motos nacionais, a vitória ficou com Matheus Emilio na 230F e Davi Braga na MXN, mas os dois títulos foram para Ricardo Nunes, que foi consistente durante o campeonato e com o terceiro lugar em ambas as categorias na final, pôde comemorar.

A Extreme Racing Competições, organizadora da competição, deve anunciar em breve a sua Festa de Premiação e o lançamento da nova temporada. Confira abaixo todos os vencedores da etapa e os campeões.

 

podio-65cc

Pódio da 65cc – Fotógrafo: Luis Bueno

 

Vencedores da Final da Copa São Paulo MX 2016

MX Open – Dudu Lima #2 (Monte Mor/SP)
MX 2 – Dudu Lima #2 (Monte Mor/SP)
MX 30 – Juraci Petroni #251 (Bragança Paulista/SP)
MX 40 – Ney Marcolim #14 (Cosmópolis/SP)
MX Intermediária – Lucas Belgini #980 (Itatiba/SP)
MX 2 Amador – Thiago Fuzatti #264 (Caieiras/SP)
MXN – Davi Braga #934 (Franca/SP)
IMS 230F – Matheus Emilio #7 (Bragança Paulista/SP)
MX Junior – Caique Takayama #110 (Atibaia/SP)
65cc – Murilo Martinez #237 (São Roque/SP)
Regional – Edvaldo Rosa #480 (Bragança Paulista/SP)
Troféu Rota K – Diego Neves #110 (Atibaia/SP)

 

Campeões da Copa São Paulo de Motocross 2016

MX Open – Dudu Lima #2 (Monte Mor/SP)
MX 2 – Dudu Lima #2 (Monte Mor/SP)
MX 30 – Juraci Petroni #251 (Bragança Paulista/SP)
MX 40 – Ney Marcolim #14 (Cosmópolis/SP)
MX Intermediária – Lucas Belgini #980 (Itatiba/SP)
MX 2 Amador – Kenzo Murata #94 (Monte Alto/SP)
MXN – Ricardo Nunes #25 (Itapetininga/SP)
IMS 230F – Ricardo Nunes #25 (Itapetininga/SP)
MX Junior – Thiago Fuzatti #264 (Caieiras/SP)
65cc – Murilo Martinez #237 (São Roque/SP)

 

matheus-emilio-venceu-a-230f

Matheus Emílio venceu a 230F – Fotógrafo: Luis Bueno

 

A quarta etapa da Copa São Paulo de Motocross teve o total apoio da Pista MX Track, o patrocínio da IMS, Rota K e América Sports, o Copatrocínio da Red Dragon, Stocovich Design, Brasil Racing e General Motos, apoio da RKS Racing, MRP Racing, Motobrexó, Pro Mundial, Duo Motos, AMC Racing e Miami Racing. A organização é da Extreme Racing Competições com supervisão da LIVRE BRASIL, apoio de mídia de Cross Racing, Dirt Action , MotoX, MX Racing, Pró Moto, Zuun Motorcycles, Moto.com.br, Motoraid, Crossnaveia, Cross Clube Brasil, BRMX, Cross One, Motocando, Moto Off Road e Moto1.