Search

Aos 44 anos, Mike Brown anuncia aposentadoria

brown_-2

Em 2001, de 125cc em Budds Creek – Crédito: Divulgação

 

Mike Brown anunciou durante a etapa final do EnduroCross 2016, na semana passada, que está se aposentando das competições. Brown, que conquistou títulos desde o AMA Motocross até vitórias em Grande Prêmios e X Games, teve uma das carreiras mais marcantes do esporte.

– Fisicamente eu me sinto bem. Estou em forma – não como quando eu vencia no motocross, mas ainda estou bem. E claro, não há tanta pressão, mas essa é a minha vida. Vou me aposentar, mas sempre vou correr. Isso é o que me mantém – disse o piloto.

Brown, um dos poucos americanos a competir na Europa, chegou em 1997, impressionando à todos quando venceu a etapa de abertura do Mundial de Motocross, de Yamaha. Ele ficou em 11º lugar na geral da 250cc naquele ano, mas não foi convidado a voltar no ano seguinte.

Em 1999, Brown apareceu novamente e terminou em terceiro lugar, agora na 125cc, atrás de Alessio Chiodi e Claudio Federici. Ele chegou a vencer os GPs na Holanda e na Suíça.

O que o tornou realmente popular, foi sua temporada em 2000, onde teve grandes disputas com Grant Langston e James Dobb – talvez as mais emocionantes da época. Brown chegou a vencer três corridas, com os dois colados e vice-versa, conquistando o público e ganhando ainda mais fãs – além de ser considerado um dos americanos mais bem sucedidos no Mundial de Motocross.

Ele também  foi campeão do AMA Motocross em 2001 na 125cc e foi escolhido para estar no time americano no MXoN, mas infelizmente a equipe não esteve presente na competição devido ao 11 de setembro.

Em 2015, aos 43 anos, o piloto venceu a final do EnduroCross no X Games em Austin, no Texas, fechando a carreira com esse último título.

 

Vídeo da vitória no X Games em 2015